Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

DIPLOMACIA

Xi Jinping recebe presidente do COI a 10 dias da abertura dos Jogos de Inverno

Por: AFP

Publicado em: 25/01/2022 11:52

 (Foto: JADE GAO / AFP)
Foto: JADE GAO / AFP
O presidente chinês Xi Jinping recebeu o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, nesta terça-feira, a 10 dias da cerimônia de abertura dos Jogos de Inverno em Pequim, informou a agência estatal Xinhua.

Bach chegou no sábado a Pequim e cumpriu um isolamento de três dias. Normalmente os viajantes procedentes do exterior precisam respeitar uma quarentena de várias semanas.

Os Jogos de Pequim acontecerão em uma estrita bolha sanitária. Durante o evento, o presidente chinês receberá diversos líderes mundiais. A reunião com Bach foi a primeira que se tem conhecimento de Xi Jinping com um convidado estrangeiro desde o início da pandemia.

A reunião aconteceu na residência diplomática de Diaoyutai, um parque em Pequim, segundo o canal público CCTV. 

A emissora exibiu imagens dos dois homens com máscara no rosto, posando lado a lado, diante de bandeiras da China e do movimento olímpico.

Xi e Bach conversaram em seguida com uma grande distância.

O chinês afirmou que o país organizará "Jogos Olímpicos simples, seguros e esplêndidos" apesar do aumento dos casos de covid na China, informou a CCTV.

Bach também pretende se reunir com a tenista chinesa Peng Shuai.

A atleta publicou uma longa mensagem na internet em novembro, na qual afirmava ter se sentido "forçada" a manter um relacionamento sexual com um ex-vice-primeiro-ministro de seu país.

A mensagem foi apagada e Peng Shuai permaneceu desaparecida por semanas. Em uma videoconferência no final de novembro, Bach conversou com a tenista e ambos combinaram um encontro em Pequim, por ocasião dos Jogos Olímpicos.

O caso Peng Shuai provocou uma mobilização internacional com a hashtag #OndeestáPengShuai?

A China, onde o coronavírus foi detectado pela primeira vez no fim de 2019, praticamente fechou as fronteiras em março de 2020.

Xi Jinping não saiu da China desde janeiro de 2020 e não recebe líderes estrangeiros desde março do mesmo ano, mas participou de várias reuniões internacionais por videoconferência.

Entre os líderes políticos aguardados em Pequim para os Jogos Jogos Olímpicos está o presidente da Rússia, Vladimir Putin.

Vários países ocidentais (especialmente Estados Unidos, Canadá e Reino Unido) anunciaram um boicote diplomático aos Jogos para denunciar as violações dos direitos humanos na China.
TAGS: 2022 | chn | política | china | diplomacia |
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevista com Raquel Lyra (PSDB)
Casamento de Lula e Janja: celulares barrados na entrada
Soldado russo se declara culpado por crime de guerra na Ucrânia
Manhã na Clube: entrevista com Maria Zilá Passo, advogada especialista em direito da saúde
Grupo Diario de Pernambuco