Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

LESTE EUROPEU

Ucrânia defende medidas duras contra a Rússia

Publicado em: 10/01/2022 14:14

 (Foto: AFP/Sergei SUPINSKY)
Foto: AFP/Sergei SUPINSKY
Nesta segunda-feira (10), durante entrevista ao grupo de mídia alemão Funke, o embaixador da Ucrânia na Alemanha, Andrei Melnik, afirmou que Berlim deve desistir do projeto Nord Stream 2 como uma das medidas duras que precisam ser feitas pelo Ocidente contra a Rússia para evitar o agravamento da crise ucraniana. "Para evitar uma nova invasão russa, nossos parceiros na Europa e nos EUA teriam que tomar medidas punitivas preventivas muito duras contra Moscou antes que Putin estenda sua intervenção militar, e não depois, quando for tarde demais. O abandono definitivo do gasoduto Nord Stream 2 deveria fazer parte deste pacote", declarou Melnik.

No entanto, o diplomata não apontou o que a Alemanha ganharia com o desmantelamento do Nord Stream 2, já que o país depende de gás natural para mais de um quarto do seu consumo total de energia e que tem enfrentado uma demanda crescente de combustíveis fósseis limpos após a redução da dependência do carvão e da energia nuclear.

Também na coletiva, o embaixador ucraniano incentivou Berlim para abandonar o seu veto absolutamente repreensível sobre a entrega de novas amas para Kiev. “Temos todo o direito à autodefesa. Apenas um incremento imediato no fornecimento de armas defensivas à Ucrânia para aumentar a sua capacidade de defesa constituiria uma verdadeira mudança do jogo”, alegou. 

Melnik ainda acrescentou a responsabilidade histórica da Alemanha na Segunda Guerra Mundial. "A Alemanha tem a mesma responsabilidade histórica pela Ucrânia que tem por Israel. Portanto, em Kiev espera-se que o apoio militar maciço da Alemanha aumente o preço do ataque iminente de Putin e o impeça", citou. 

Por outro lado, a Rússia já refutou várias vezes todas as suposições de que planeja invadir a Ucrânia, classificando tais acusações de falsas e dirigidas somente para desacreditar Moscou.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Zuri: 11 anos, multiinstrumentista, compositor e prodígio da música faz campanha para comprar violão
Bolsonaro cancela visita à Guiana devido à morte de sua mãe
Manhã na Clube: entrevista com Padre Arlindo
Ômicron começa a recuar nos Estados Unidos
Grupo Diario de Pernambuco