Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

MUNDO ANIMAL

Casal gay de pinguins celebra terceiro ano junto e adota mais um filhote

Publicado em: 13/01/2022 20:08

 (Foto: Divulgação)
Foto: Divulgação
No aquário Sea Life Sydney Aquarium, na Austrália, o casal gay de pinguins, Sphen e Magic, acaba de ir para uma nova casa. O romance dos pinguins começou quando Sphen deu uma “pedra especial” para Magic, e os dois juntos começaram a tentar choca-lo para terem um bebê. 

Ao se depararem com a situação, os tratadores do aquário decidiram “ajudar” o casal e entregaram um ovo de verdade. Sphen e Magic cuidaram de futuro filhotes como bons pais, se revezam e chocaram o ovo por mais de 60 dias até que rompesse. Quem nasceu foi a filhotes Lara, que logo foi apelidada de Sphengic (junção do nome dos pais).

A supervisora dos pinguins do aquário, Trish Hannan, explica como foi a decisão de dar um segundo ovo para o casal, “Eles tinham o ninho mais limpo e maior da colônia e quando percebemos que outro casal estava lutando para incubar dois ovos ao mesmo tempo, tomamos a decisão de adotar o segundo ovo para o casal poderoso da colônia”.

Agora, a família está entrando na terceira temporada de reprodução. A cuidadora Kiera Ponting contou as atualizações do casal ao jornal PinkNews: “Eles mudaram de casa e estão em um novo local de ninho, e ainda são um dos nossos casais mais fortes na exposição. Eles são um grande exemplo para o resto da colônia. Eles são inseparáveis e provam o quão fortes os laços dos pinguins podem ser. Observamos muitos dos casais de pinguins mais novos montando seus ninhos perto de Sphen e Magic, o que achamos que eles estão tentando aprender com os melhores”, disse. 

Sphen e Magic não ficaram famosos só pelo aquário, o casal apareceu na série da Netflix Atypical. Na terceira temporada, o protagonista, Sam, um garoto com autismo que adora pinguins, disse para a irmã que não teria problemas se ela namorasse outra garota. “Você seria como Sphen e Magic, os dois pinguins do Sea Life Sydney Aquarium. Eles se cortejaram e construíram um ninho. Quando um par de pinguins heterossexuais negligentes deixou seu ovo exposto aos elementos, a equipe do aquário deu a Sphen e Magic. Eles têm um bebê agora", disse o personagem. 

Sphen e Magic não são o primeiro casal gay de pinguins a ganhar a fama. Em um zoológico na Nova Zelândia, as pinguins Thelma e Louise criaram um filhote juntas, assim como Inca e Rayas, um casal de pais do Park Zoo de Mari. Em São Francisco, os papais Eduardo e Rio também chocaram e cuidaram de um filhote.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Segundo a ONU, 2021 foi um dos sete anos mais quentes da História
Manhã na Clube: entrevistas com Leonardo Péricles e Dr. Heitor Albanez
Fortuna dos 10 mais ricos dobrou com a Covid
Supervacinada: Rafaela inaugura a fase da imunização de crianças contra a Covid no Recife
Grupo Diario de Pernambuco