Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

SAÚDE

Médicos encontram pedaço de cimento em coração de homem

Publicado em: 06/10/2021 18:39

 (O objeto tinha 10,1 centímetros de comprimento e já perfurava o coração e o pulmão do paciente, além de obstruir a passagem de sangue nas veias. Foto: The New England Journal of Medicine)
O objeto tinha 10,1 centímetros de comprimento e já perfurava o coração e o pulmão do paciente, além de obstruir a passagem de sangue nas veias. Foto: The New England Journal of Medicine
É comum que pedaços de cimento sejam encontrados em vários lugares, mas não no coração de uma pessoa. Apesar de inusitado, o fato ocorreu com um homem de 56 anos que procurou um hospital após sentir dores no peito e dificuldade de respirar por dois dias. Na mesa de cirurgia, os médicos encontraram um pedaço de cimento de 10,1 centímetros de comprimento e 0,2 de diâmetro que perfurava o coração e o pulmão do paciente.

Além das perfurações, o cimento já tinha se tornado uma embolia, evento no qual um corpo estranho obstrui a passagem de sangue nos vasos sanguíneos. O caso foi publicado no último sábado (2), no The New England Journal of Medicine, pelo bacharel em medicina Gabe Weininger e o pós-doutor em medicina John A. Elefteriades, ambos da Faculdade de Medicina de Yale, mas ainda não foi avaliado por outros pares de especialistas.

No texto, os médicos explicaram o ocorrido. “Uma semana antes da entrada no hospital, o homem havia se submetido a uma cifoplastia L5 (método de reposicionamento de ossos após uma fratura ou uma lesão crônica, como a osteoporose) em que foi usado cimento médico ósseo”, introduziram. “O cimento pode vazar para o sistema venoso, endurecer e embolizar”, contam. Foi o que ocorreu com o homem.

Após a retirada do pedaço de cimento que perfurava o átrio cardíaco direito e atravessava o pericárdio, além de perfurar o pulmão direito, o coração do homem foi reparado. Ele não apresentou complicações pós-operatórias e “um mês após o procedimento, estava quase recuperado”.

 
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Destaque do Náutico, meia Jean Carlos completa 100 jogos com a camisa alvirrubra
Baixas na equipe de Guedes
Trump anuncia planos para lançar nova rede social
Manhã na Clube: entrevistas com Teresa Leitão (PT), Fernandes Arteiro e José Teles
Grupo Diario de Pernambuco