Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

INVESTIGAÇÃO

Governo do Haiti oferece recompensas por suspeitos do assassinato do presidente

Por: AFP

Publicado em: 26/08/2021 19:47

 (Foto: ALEX WONG / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / AFP
)
Foto: ALEX WONG / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / AFP
O Ministro da Justiça do Haiti anunciou nesta quinta-feira (26) recompensas por informações que levem à detenção de três pessoas supostamente envolvidas no assassinato do presidente Jovenel Moise, morto em 7 de julho em sua casa por mercenários.

"O Ministério da Justiça oferece uma recompensa especial", de cerca de 60 mil dólares, "pelos chefes de três importantes fugitivos: Wendelle Thelot Coq, Joseph Félix Badio e John Joël Joseph", informou à imprensa Rockefeller Vincent.

Coq era a única mulher no Tribunal de Cassação, antes de sua aposentadoria forçada em fevereiro por Moise. A decisão foi contestada porque o Poder Executivo não tem competência para destituir magistrados superiores.

Badio é um ex-combatente da luta contra a corrupção e Joseph é um ex-senador.

A polícia haitiana emitiu 17 mandados de prisão contra esses três suspeitos, considerados fugitivos.

Mais de um mês após o assassinato, persiste o mistério quanto aos autores intelectuais e à motivação do atentado que também deixou a primeira-dama baleada, mas nenhum policial ferido entre os encarregados da segurança de Moise.

Quarenta e quatro pessoas foram presas no âmbito da investigação, incluindo 18 colombianos e dois americanos de origem haitiana.

A crise no Haiti se agravou após o terremoto de magnitude 7,2 em 14 de agosto, que matou mais de 2.200 pessoas e deixou milhares de edifícios destruídos.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
As mães em plena pandemia: casal paulista adota cinco irmãos de Serra Talhada
Bolsonaro aumenta IOF para custear novo Bolsa Família
Surto de Covid-19 obriga Presidente da Rússia a ficar em isolamento
Manhã na Clube: entrevistas com o deputado Eduardo da Fonte (PP), Elias Paim e Diego Martins
Grupo Diario de Pernambuco