Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

Líder do grupo nigeriano Boko Haram está morto, afirma grupo jihadista rival

Por: AFP

Publicado em: 06/06/2021 17:01

 (Foto: Handout / BOKO HARAM / AFP)
Foto: Handout / BOKO HARAM / AFP
O líder do Boko Haram, Abubakar Shekau, cometeu suicídio durante uma luta contra membros de um grupo jihadista rival, afirmou o grupo Estado Islâmico na África Ocidental (ISWAP) em uma gravação enviada à AFP neste domingo (6).


"Shekau preferiu ser humilhado no além a ser humilhado na terra. Ele se matou detonando um explosivo", afirmou uma voz semelhante à do líder da ISWAP, Abu Musab Al Barnawi, em uma gravação na língua Kanuri entregue à AFP por uma fonte que normalmente distribui os comunicados do grupo.


O Boko Haram não comentou os relatos sobre a morte de seu líder, que estão sendo investigados pelos militares nigerianos.


O ISWAP explica na gravação que enviou seus combatentes para um enclave do Boko Haram na floresta de Sambisa e que encontraram Shekau sentado dentro de sua casa, o que deu início a um tiroteio.


“De lá ele se retirou e fugiu, correu e se escondeu no mato por cinco dias. No entanto, os combatentes continuaram a procurá-lo”, diz a voz.


Ao encontrá-lo, os combatentes da ISWAP pediram que ele e seus seguidores se rendessem, de acordo com a gravação, mas Shekau recusou e tirou a própria vida.


“Estamos muito felizes”, disse a voz, acrescentando que Shekau era “alguém que cometeu atos terroristas e atrocidades inimagináveis”.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevistas com Túlio Gadêlha, Beatriz Paulinelli e Guilherme Maia
Advogado de enfermeira afirma que Maradona foi morto
Manhã na Clube: entrevistas com Décio Padilha, Adriana Barros e Roseana Diniz
Para evitar contaminação por Covid, robôs oferecem água benta em Meca
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco