Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

IMUNIZAÇÃO

Kamala Harris, vice-presidente eleita dos EUA, se vacina contra a Covid-19

Por: AFP

Publicado em: 29/12/2020 16:23

 (FOTO: Alex Edelman / AFP)
FOTO: Alex Edelman / AFP
A vice-presidente eleita dos Estados Unidos Kamala Harris recebeu a vacina contra a Covid-19 ao vivo pela televisão nesta terça-feira (29) e pediu a confiança do público no processo, enquanto a escolha do hospital para receber a imunização chamou atenção para a difícil situação da comunidade afro-americana, muito afetada pela pandemia.

Usando máscara, Harris recebeu a primeira de duas injeções no United Medical Center, localizado em uma área de Washington com população majoritariamente negra.

Comunidades afro-americanas em todo o país vivenciam níveis desproporcionalmente altos de mortes e doenças relacionadas à pandemia de Covid-19, enquanto as pesquisas também indicam que elas estão entre as mais relutantes em se vacinar.

"Por isso eu quis lembrar às pessoas que é na sua comunidade onde se toma a vacina, onde você vai receber a vacina de pessoas que você talvez conheça", disse ela após receber a vacina fabricada pela empresa americana Moderna.

"Quis lembrar às pessoas que elas têm fontes confiáveis de ajuda e são nelas onde poderão obter a vacina".

Harris se tornará a primeira vice-presidente negra e indiana-americana ao tomar posse em 20 de janeiro, assim como a primeira mulher no cargo. Seu marido, Doug Emhoff, também devia ser vacinado.

Uma série de funcionários públicos foram vacinados diante das câmeras como parte de um esforço para superar o ceticismo público e convencer os que ainda estão em dúvida de que as imunizações são vitais para retornar a uma aparente normalidade nos próximos meses.

O presidente eleito, Joe Biden, recebeu a vacina ao vivo na televisão em 21 de dezembro. O atual presidente, Donald Trump, que foi hospitalizado com o vírus em outubro, não se comprometeu a ser vacinado.

Trump minimizou várias vezes o perigo da doença e pediu a reabertura de empresas e escolas, apesar do aumento do coronavírus em todo o país.

Os Estados Unidos registraram cerca de 19,3 milhões de casos e mais de 335.00 mortes relacionadas ao coronavírus, ambos os maiores índices do planeta, de acordo com dados da Universidade Johns Hopkins.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 18/01
Vacinação começa na quarta-feira, garante Ministério da Saúde
Enem 2020: professores do Colégio Núcleo comentam ao vivo as provas deste domingo
Enem em plena pandemia vira desafio em dobro para estudantes
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco