Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

CORRIQUEIRO

Homem destrói estrela de Trump na Calçada da Fama mais uma vez

Por: AFP

Publicado em: 06/10/2020 19:20 | Atualizado em: 06/10/2020 19:32

 (Foto: Robyn Beck / AFP)
Foto: Robyn Beck / AFP

Um homem, condenado em 2016 por vandalizar a estrela do presidente Donald Trump na Calçada da Fama de Hollywood, foi preso novamente por destruir mais uma vez a homenagem, a pouco menos de um mês das eleições nos Estados Unidos.

James Otis se entregou à polícia na segunda-feira (5) depois de supostamente depredar a estrela, que o presidente recebeu em 2007 por seu programa "O Aprendiz", usando uma picareta e vestido como o Hulk.

O ativista de 56 anos havia expressado nas redes sociais sua intenção de danificar a estrela. A polícia o identificou como o culpado após revisar um vídeo do incidente, ocorrido na sexta-feira passada. Ele foi acusado de vandalismo e solto sob fiança de 20 mil dólares.

Otis foi condenado em 2016 a três anos em liberdade condicional com 20 dias de serviço comunitário, além do pagamento de 4 mil dólares pelos danos causados pela destruição da estrela do então candidato presidencial. Trump concorre a um segundo mandato em 3 de novembro.

O ataque de quatro anos atrás também foi gravado. Ele disse que estava tentando remover o bloco de granito com a estrela completa - para leiloá-lo em Nova York e doar o dinheiro para mulheres que alegavam ter sido abusadas sexualmente pelo republicano - mas só conseguiu extrair as letras douradas com o nome do magnata e o desenho de uma TV que havia embaixo.

Funcionários consertaram a estrela nesta terça-feira, localizada perto do Teatro Chinês e do Dolby, onde acontece a cerimônia do Oscar. A Câmara de Comércio de Hollywood, que administra a turística Calçada da Fama, estima os danos em cerca 3 mil dólares.

A estrela de Trump já foi vandalizada várias vezes; a última havia sido em 2018 por Austin Mikel Clay, que também foi condenado a três anos de prisão em liberdade condicional. Antes, já deixaram excrementos em cima dela e também a riscaram com um grande 'X' amarelo e uma suástica.

Em julho de 2016, um artista de rua cercou a estrela com um muro de madeira com arame farpado de 15 centímetros, em uma alusão crítica à promessa de Trump de construir um muro na fronteira com o México.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Rhaldney Santos entrevista Dra. Rebecca Spinelli
Rhaldney Santos entrevista Thiago Santos (UP)
Aprenda a treinar a mente com exercícios que previnem doenças e turbinam os neurônios
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão #Protocordados
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco