Diario de Pernambuco
Busca

Moradia

Governo vai financiar obras de até R$ 18 mil em casas chefiadas por mulheres economicamente vulneráveis

Iniciativa oferece apoio financeiro e assistência técnica para melhoria habitacional em áreas urbanas.

Publicado em: 08/03/2024 18:35

A nova fase no programa Morar Bem PE visa levar qualidade de vida para as famílias que vivem na zona urbana (Foto: Miva Filho/Secom)
A nova fase no programa Morar Bem PE visa levar qualidade de vida para as famílias que vivem na zona urbana (Foto: Miva Filho/Secom)

Mulheres pernambucanas que estão em situação de vulnerabilidade econômica poderão ter as casas reformadas pelo Governo de Pernambuco. A iniciativa faz parte de uma nova modalidade do programa habitacional Morar Bem PE, lançada nesta sexta-feira (8).

As obras possuem um limite de R$ 18 mil por residência e serão acompanhadas por uma equipe de assistência técnica de arquitetura e engenharia. De acordo com o Governo do Estado, serão investidos R$ 50 milhões nesta nova modalidade.

A nova fase no programa Morar Bem PE visa levar qualidade de vida para as famílias que vivem na zona urbana. As obras feitas pela iniciativa incluem reparos estruturais e funcionais, como divisão de cômodos em casas onde famílias dormem no mesmo espaço, rebocos de parede, instalação de portas, infraestrutura elétrica e hidráulica, instalação de kits de banheiro, ou estéticos, como pinturas.

As reformas serão feitas através da Companhia Estadual de Habitação e Obras (Cehab), vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação. As equipes técnicas irão cadastrar as famílias levando em conta dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 

Segundo o Governo de Pernambuco, serão priorizadas as casas de alvenaria sem revestimento e que abriguem pessoas que estão abaixo da linha de pobreza.

Os moradores da comunidade do Condor Cabo Gato, em Olinda, serão os primeiros contemplados pela Reforma no Lar.

"Viemos aqui em Peixinhos, no Dia da Internacional da Mulher, para entregar mais dignidade de moradia, priorizando mães solo, que são chefes de família. O Reforma no Lar irá garantir mais cidadania dentro das casas dos pernambucanos. Vamos entrar nas residências já construídas em comunidades com vulnerabilidade para garantir reformas e obras que serão financiadas e realizadas através da Companhia Estadual de Habitação no Governo de Pernambuco", ressaltou Raquel Lyra durante uma visita à comunidade.

“Essa iniciativa é importante principalmente para as mulheres que estão querendo reformar sua casa, fazer alguns consertos e não tem condições. Só quem passa por isso sabe o quanto é difícil não ter um piso, ficar debaixo de um telhado com goteiras. E esse projeto chegou para melhorar a casa e a autoestima de quem mora nas comunidades", comentou a representante do Comitê Popular de Luta Condor Cabo Gato, Marise Ferreira. 

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL