Diario de Pernambuco
Busca

RENEGOCIAÇÃO

Desenrola Brasil: saiba como entrar na plataforma com conta gov.br e renegociar dívidas

O governo federal abriu nesta segunda-feira (9) a plataforma do programa Desenrola Brasil para renegociação de dívidas negativadas bancárias e não bancárias

Publicado em: 09/10/2023 12:52 | Atualizado em: 09/10/2023 15:32

Segundo governo federal, Desenrola poderá beneficiar 32 milhões de brasileiros (DP)
Segundo governo federal, Desenrola poderá beneficiar 32 milhões de brasileiros (DP)
O governo federal abriu, nesta segunda-feira (9), a plataforma do programa Desenrola Brasil para renegociação de dívidas negativadas bancárias e não bancárias — como conta de luz, água, varejo, educação, entre outras.
 
Essa etapa beneficiará pessoas que ganham até dois salários mínimos ou que estejam inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do governo federal (CadÚnico), e que tenham dívidas até R$ 5 mil (pagamento à vista ou parcelado até 60 meses) ou dívidas entre R$ 5 mil e R$ 20 mil (pagamento à vista). 

Nesse momento, as dívidas com valor atualizado até R$ 5 mil poderão ser renegociadas à vista ou parceladas em até 60 meses, com juros de até 1,99% ao mês. Esse valor também terá a prioridade da garantia do governo, por meio do Fundo de Garantia de Operações (FGO), que soma R$ 8 bilhões. Esse grupo de beneficiados poderá renegociar suas dívidas até o valor total de R$ 5 mil.
 
Nessa fase do programa, as dívidas que antes dos descontos tinham valor entre R$ 5 mil e R$ 20 mil poderão ser pagas à vista, na Plataforma, com o desconto oferecido pelo credor. Esse grupo de beneficiados poderá fazer a renegociação à vista de todas as dívidas que estiverem elegíveis na plataforma.  

As ofertas com opção de parcelamento – que usam garantia do FGO – estão organizadas de acordo com uma fila, que segue a ordem dos maiores descontos que foram ofertados pelos credores na etapa de leilão do Programa.
 
O beneficiário terá 20 dias para fazer uso daquela oferta e renegociar as dívidas com a opção de parcelamento, da forma como julgar mais conveniente. Depois disso, o beneficiário ainda poderá acessar a renegociação com opção de pagamento à vista, mas o parcelamento a prazo, com alocação do FGO, será oferecido para os demais beneficiários, seguindo a ordem do leilão.
 
A cada 20 dias a fila de renegociações parceladas vai andar, até o último dia do programa, 31/12/2023. O mecanismo tem o objetivo de garantir o maior alcance do Desenrola. 

Como participar do Desenrola Brasil?
 
- Acesse a plataforma
 
Com sua conta gov.br você poderá acessar suas oportunidades. 
 
Para ingressar na plataforma do Desenrola Brasil é só clicar no site: https://desenrola.gov.br/home.
 
- Selecione as dívidas
 
Você poderá escolher as dívidas com desconto que deseja quitar.
 
- Selecione como pagar
 
Você poderá pagar à vista ou financiar o parcelamento em até 60 meses. 
 
 
Primeira etapa do Desenrola Brasil  

A primeira etapa do Desenrola Brasil teve início no dia 17 de julho deste ano e contemplou dois públicos de beneficiários: 

 - Pessoas com dívidas até R$ 100
 
As instituições financeiras realizaram a desnegativação de 10 milhões de registros de dívidas de até R$ 100,00. Esse número diz respeito às dívidas negativadas e não à quantidade de pessoas (Dados MF).
 
- Faixa 2: dívidas bancárias negativadas de clientes que têm renda mensal até R$ 20 mil.
 
Em dez semanas do Desenrola Brasil, foram registrados%u202FR$ 15,8 bilhões em volume financeiro%u202Fnegociados, exclusivamente pela Faixa 2, no qual os débitos bancários são negociados diretamente com a instituição financeira, em condições especiais. Entre 17 de julho e 29 de setembro, o número de%u202Fcontratos de dívidas negociados chegou a 2,22 milhões, beneficiando cerca de%u202F1,73 milhão de clientes bancários. A adesão ao programa vai até o dia 31 de dezembro de 2023.

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL