Diario de Pernambuco
Busca

SAÚDE

Servidores públicos federais podem aderir a planos de saúde da Assefaz

Publicado em: 01/08/2023 20:01

 (Foto: Dragos Condrea/freepik)
Foto: Dragos Condrea/freepik
Os servidores federais públicos ativos, aposentados, pensionistas e que ocupam cargos em comissão na administração direta, fundações e autarquias da União de todo o país podem aderir, a partir desta terça-feira (1º/8), aos planos de saúde sem carência da Fundação Assefaz. O prazo final para adesão é 30 de agosto e, nesse período, também é possível fazer migração entre planos para quem já é beneficiário. Além disso, o servidor pode incluir familiares: dependentes até o 4º grau de parentesco consanguíneo e 2º por afinidade.

Ao todo, estão disponíveis cinco planos divididos em duas categorias com preços acessíveis, que oferecem acomodação em apartamento e abrangência nacional. A primeira opção é o com coparticipação, categorizado como Cristal e Esmeralda. Nessa categoria, é possível contribuir com um percentual sobre os serviços executados, como consultas, exames, entre outros, com um valor máximo definido por item (teto limitador), o que contribui para uma mensalidade mais acessível.

Já a segunda opção é o sem coparticipação, categorizado como Diamante, Rubi e Safira. Nestes, não há contribuição extra, o que torna adequado para aqueles que têm necessidades especiais e estão constantemente em consultórios e hospitais.

Além dos hospitais cadastrados, a fundação oferece atendimento de forma on-line, com o Telessaúde. A plataforma funciona por meio de computador e celular, possibilitando o acesso a mais de 30 especialidades médicas. De forma virtual, o médico pode realizar diagnóstico, emitir receitas para a compra de remédios e atestados e enviar pedidos de exames.

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL