Diario de Pernambuco
Busca

COPERGÁS

Gás natural oferece maior segurança, economia e praticidade no setor residencial

Publicado em: 15/08/2023 21:34

Felipe Valença, diretor-presidente da Copergás (foto: Arthur de Souza)
Felipe Valença, diretor-presidente da Copergás (foto: Arthur de Souza)

O gás natural é um combustível fóssil e uma fonte de energia limpa encontrada na natureza e extraída nas camadas mais profundas do subsolo, podendo estar ou não associado ao petróleo. Assim como o petróleo, ele é resultado da degradação da matéria orgânica, fósseis de animais e plantas pré-históricas. Por ser um combustível versátil, é utilizado em diversos setores, como em indústrias petroquímicas, em usinas termoelétricas, comércio e em veículos motorizados. Para o uso residencial, o gás natural oferece maior segurança, economia e praticidade, além de reduzir a poluição ambiental, em relação ao Gás Liquefeito de Petróleo (GLP).

 

Segundo o diretor-presidente da Companhia Pernambucana de Gás (Copergás), distribuidora de gás natural controlada pelo Governo de Pernambuco em sociedade com a Mitsui e Commit, Felipe Valença, o uso do combustível natural no segmento residencial oferece diversas vantagens aos clientes e condomínios. “São muitas as vantagens. A começar pela economia, pois as tarifas são mais competitivas do que o GLP. Além disso, existe a questão da praticidade. Como os dutos oferecem o gás de maneira contínua, não é preciso transportar e carregar botijões de gás. Também é mais seguro, pois o gás natural é mais leve do que o ar e se espalha mais facilmente na atmosfera. A central de gás natural também só ocupa uma área de 0,5 m², sobrando mais espaço para o condomínio”, explica. A economia do Gás Natural pode chegar em até 60% em comparação ao GLP.

 

Nos últimos anos, o uso do gás natural no Brasil está aumentando. Um estudo realizado pela Associação Brasileira das Empresas Distribuidoras de Gás Canalizado (Abegás) demonstrou um crescimento de 7,2% em 2022 em relação a 2021. No segmento residencial, o consumo apresentou uma alta ligeira de 1,9%. Em Pernambuco, a Copergás atende 77.886 unidades residenciais com o fornecimento do combustível natural, representando apenas 0,6% do volume total da distribuição da empresa no estado. Apesar de ainda ser um índice pequeno, a cobertura está aumentando em uma velocidade de 10 mil unidades residenciais por ano.

 

Para promover o uso e contribuir para o crescimento do combustível no estado, a Copergás traçou um novo plano de negócios bem estruturado para demonstrar a viabilidade e vantagens do com todos os setores envolvidos na utilização do gás natural. “Queremos convencer o máximo de atores envolvidos, sejam empreendedores, empresários, construtores ou administradores públicos. Também precisamos racionalizar um pouco mais as nossas tarifas para que a expansão chegue principalmente para as populações mais carentes”, conta o diretor-presidente.

 

  Serviço

Para pedir uma nova ligação de gás para unidade residencial com consumo individual, é essencial saber se as malhas de gás passam pelo seu bairro. A informação está disponível no site: https://novo.copergas.com.br/. A solicitação também pode ser feita no site e passará por uma avaliação da equipe técnica da Copergás. Além do site, o cliente poderá entrar em contato com a empresa pelo número 0800 281 2002.

 

  Copergás 

A Copergás foi criada em 17 de setembro de 1992, pela Lei Estadual 10.656/1991, e entrou em operação em 1994. É responsável pela odorização, canalização e distribuição do gás natural em Pernambuco, atendendo aos mercados industrial, residencial, comercial, veicular, de cogeração de energia e a Refinaria Abreu e Lima. A Copergás é uma empresa de economia mista, tendo como sócio majoritário o Governo de Pernambuco, com 51% das ações, e dois sócios privados, que são a Commit Gás S.A. e a Mitsui Gás e Energia do Brasil Ltda. Cada um com 24,5% das ações. 

 

Tags: copergÁs |

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL