Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Economia

REFORMA

Obras no Aeroporto do Recife já trazem algumas mudanças no local; confira

Publicado em: 17/06/2022 16:20 | Atualizado em: 17/06/2022 16:23

Término da reforma é previsto para junho de 2023  (Setur/Divulgação)
Término da reforma é previsto para junho de 2023 (Setur/Divulgação)
As obras no Aeroporto do Recife-Guararapes / Gilberto Freyre foram iniciadas no primeiro trimestre de 2022. No local, já é possível notar algumas mudanças, como nas salas de embarque remoto, onde as paredes e divisórias estão sendo removidas. A reforma faz parte do pacote de obras anunciado pela Aena Brasil, que também administra os aeroportos de Maceió, João Pessoa, Campina Grande, Aracajú e Juazeiro do Norte. O valor de investimento, antes anunciado como R$ 1,6 bi, foi corrigido para R$ 1,4 bi, enquanto a pretensão do aumento da capacidade operacional nos aeroportos, a partir das reformas, antes anunciado entre 80% e 100%, foi corrigido para entre 60% e 100%.

Além das mudanças nas salas de embarque remoto no Aeroporto do Recife, outros detalhes também já podem ser vistos, como a desativação da escada rolante que leva do desembarque (térreo) para o embarque (1º andar), afim de ser deslocada, restando a opção de utilizar os elevadores e a escada fixa. Também está sendo retirado o forro do teto da sala de restituição de bagagens e do desembarque, além de está sendo implantado novos sanitários e novas instalações de trabalho para as Polícias Civil e Militar. 

No local, ainda houve uma mudança no fluxo de veículos que trafegam para o terminal. Com o fechamento do espaço onde funcionava o embarque e desembarque de vans e ônibus de turismo, estes veículos devem operar no acesso térreo, por onde também circulam os táxis credenciados. Já os demais veículos (carros particulares, veículos por aplicativo e táxis não credenciados) só podem circular pelo pavimento superior, com acesso pela rampa. Até o término da obra, previsto para até junho de 2023, a Agência Nacional de Aviação Civil alerta os passageiros para que cheguem aos terminais bem antes do horário previsto para o embarque, no intuito de evitar complicações, em função das mudanças ocasionadas por conta da obra.

Como ficará o Aeroporto? 

O local contará com uma nova ala no terminal de passageiros. A área da expansão terá quatro pontes de contato móveis (fingers) para embarque e desembarque, todas capazes de atender a aeronaves de grande porte. O aeroporto vai ganhar 40% a mais de área, em relação ao que já ocupa hoje, passando de 52 mil metros quadrados para 76 mil metros quadrados, com expansão nas salas de embarque, de desembarque, esteiras de restituição de bagagens, check-in e canal inspeção de segurança. O Recife também ganhará mais totens de auto check-in e novos balcões de controle de imigração. Já o pátio, para comportar um número maior de aeronaves, contará com 61 mil metros quadrados a mais. 



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Nova presidente da Caixa toma posse e anuncia primeiras medidas
Manhã na Clube: entrevista com o ex-ministro e pré-candidato ao senado, Gilson Machado
Suspeito de ataque a tiros com seis mortos é detido nos EUA
Manhã na Clube: entrevistas com o pastor Wellington Carneiro e Alexandre Castelano
Grupo Diario de Pernambuco