Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Economia

GARANTIA

Pernambuco deverá retomar autonomia do Porto de Suape nos próximos meses

Publicado em: 04/05/2022 14:51

 ( Divulgação/SEI)
Divulgação/SEI
Durante uma reunião realizada com o Ministério da Infraestrutura, o Governo de Pernambuco recebeu a garantia de que o processo de retomada da autonomia do Porto de Suape será concluído nos próximos 60 dias.

De acordo com a pasta, o novo convênio de delegação de competência e retorno da autonomia na gestão dos contratos está em fase final de confecção pelo ministério. Assim, Suape deverá se tornar o terceiro porto do Brasil a receber essa credencial.

Segundo o ministro Marcelo Sampaio, o Porto reúne as condições para retomada da autonomia, alteradas a partir da Medida Provisória dos Portos, assinada em 2012. Além disso, Sampaio também destacou a retirada da Ilha de Cocaia dos limites físicos do Porto Organizado de Suape. A medida deverá possibilitar a instalação de um terminal de minério no local, viabilizando a conclusão da ferrovia ligando as jazidas do metal no Piauí e o ancoradouro pernambucano.

A informação foi celebrada pelo governador Paulo Cãmara, que participou da reunião ao lado do presidente do Porto de Suape, Roberto Gusmão, do diretor de Planejamento do Porto, Francisco Martins, e do deputado federal Fernando Monteiro.

"Estamos avançando em pontos pelos quais lutamos há muitos anos. Tanto a viabilização da ferrovia, quanto a retomada da autonomia de Suape são ações importantes, que vão trazer mais desenvolvimento e empregos para o nosso estado", afirmou o gestor estadual. 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Fechamento de escolas durante pandemia pode gerar prejuízos por décadas no Brasil
Manhã na Clube: entrevistas com Bruno Rodrigues e Débora Almeida
Manhã na Clube: entrevista com a dra. Tamara Cristina, endocrinologista
Refugiados ucranianos no Brasil: mais de 10 mil quilômetros longe de casa
Grupo Diario de Pernambuco