Diario de Pernambuco
Busca

APÓS 3 MESES DE SUSPENSÃO

Prova de vida do INSS volta a ser exigida em 2022

Publicado em: 03/01/2022 10:04

Pagamentos começarão a ser suspensos em fevereiro (Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil )
Pagamentos começarão a ser suspensos em fevereiro (Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil )
Os aposentados e pensionistas do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) precisam ficar atentos em 2022. A prova de vida voltou a ser obrigatória, após três meses de suspensão. O procedimento é necessário para manter o pagamento do benefício.

Entre março de 2020 e maio de 2021, a prova de vida foi suspensa por causa da pandemia de covid-19. O procedimento foi retomado em junho do ano passado, mas suspenso novamente em outubro, após o Congresso derrubar o veto do presidente Jair Bolsonaro a uma lei que retirava a obrigatoriedade da prova de vida em 2021.

Segundo o INSS, cerca de 3,3 milhões de segurados precisam fazer, entre janeiro e abril, a prova de vida referente a 2021. Os pagamentos das aposentadorias e das pensões começarão a ser suspensos em fevereiro.

Calendário
Para evitar aglomerações nas agências bancárias, o órgão estabeleceu um cronograma baseado no mês de nascimento. As datas foram divididas da seguinte forma.

Prova de vida vencida de novembro de 2020 a junho de 2021
Prazo final de recadastramento: janeiro

Prova de vida vencida em julho e agosto de 2021
Prazo final de recadastramento: fevereiro

Prova de vida vencida em setembro e outubro de 2021
Prazo final de recadastramento: março

Prova de vida vencida em novembro e dezembro de 2021
Prazo final de recadastramento: abril

Como fazer
A prova de vida do INSS deve ser feita no banco responsável pelo pagamento do benefício. O procedimento pode ser feito nos caixas eletrônicos com uso da biometria ou presencialmente, nas agências bancárias. Algumas instituições financeiras oferecem o serviço no internet banking ou no aplicativo.

Os segurados com biometria facial cadastrada no Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) ou no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) podem fazer a prova de vida de forma eletrônica, no aplicativo Meu INSS. Idosos a partir de 80 anos ou pessoas com dificuldade de locomoção podem pedir visita em domicílio. Nesse caso, é necessário agendar um horário pelo telefone 135 ou do app Meu INSS.

Etapas
A não realização do cadastramento não implica o cancelamento imediato do benefício. Antes disso há duas etapas: bloqueio e suspensão do pagamento. Quem tiver o benefício suspenso em fevereiro entrará na etapa de suspensão três meses mais tarde. Se ainda assim não atualizar os dados nessa segunda etapa, o benefício será cancelado.

Reativação
Segurados com os benefícios bloqueados e suspensos podem reativá-los diretamente no banco. No caso de cancelamento, o segurado terá que ligar para a central 135 e agendar o serviço de reativação de benefício. Esse procedimento também pode ser feito pelo aplicativo Meu INSS. Após acessar o Meu INSS com o número do CPF e a senha cadastrada, busque por Reativar Benefício, na lupa.

Os servidores públicos inativos (aposentados e pensionistas) e anistiados políticos seguiram um cronograma diferente de recadastramento. Para essas categorias, o prazo para fazer a prova de vida de 2021 acabou em 31 de dezembro.
TAGS: 2022 | pagamento | inss | vida | de | prova |
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL

Anvisa libera vacina e medicamento sem registro contra varíola do macaco

19/08/2022 às 13h35

PL para regularizar apostas online, no Uruguai, tem aprovação dos senadores

19/08/2022 às 13h30

Recife terá mais de 180 pontos de imunização abertos para Dia D de Multivacinação e Poliomielite neste sábado (20)

19/08/2022 às 13h26

Porto Alegre sanciona lei para serviço de loteria municipal

19/08/2022 às 13h20

APM Terminals é oficializada como vencedora do leilão de Suape

19/08/2022 às 13h10

Instituto Travessia promove empoderamento feminino capacitando mulheres no Cabo de Santo Agostinho

19/08/2022 às 12h45

Jaboatão terá 78 pontos de vacinação no Dia D de Multivacinação

19/08/2022 às 12h40

Eduardo Bolsonaro sobre o pai: 'Mais democrata nunca vi'

19/08/2022 às 12h33

Colégio Salesiano Recife lança edital para Bolsas Filantrópicas em 2023

19/08/2022 às 12h27

Sergio Moro sobre disputa presidencial: 'Jamais estarei ao lado de Lula'

19/08/2022 às 12h22

Junta militar de Mianmar se diz disposta a negociar com Aung San Suu Kyi

19/08/2022 às 12h12

Rio restabelece parte dos serviços atingidos por ataque hacker

19/08/2022 às 12h12

Governo de Pernambuco desapropria terras do Engenho Roncadorzinho, em Barreiros, onde menino foi morto e líder rural foi baleado

19/08/2022 às 12h11

Felipe Carreras é o deputado federal de Pernambuco que menos gasta verba pública

19/08/2022 às 12h03

Miguel Coelho recebe apoio de mais duas lideranças religiosas de Pernambuco

19/08/2022 às 11h52

80% dos usuários usam lentes de contato de forma inadequada

19/08/2022 às 11h38

Olinda participa do Dia D da Campanha de multivacinação e atualização de caderneta

19/08/2022 às 11h29

Ministro do STF suspende decisão que tornava Eduardo Cunha elegível

19/08/2022 às 11h16