Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Economia

APORTE

Durante a pandemia, Agência de Empreendedorismo de Pernambuco liberou mais de R$ 70 milhões em crédito

Publicado em: 07/01/2022 12:01

Recursos beneficiaram cerca de 20 mil empreendedores formais e informais, pequenas e médias empresas (Marcello Casal Jr/Agência Brasil)
Recursos beneficiaram cerca de 20 mil empreendedores formais e informais, pequenas e médias empresas (Marcello Casal Jr/Agência Brasil)
Desde o início da pandemia da Covid-19, em março de 2020, até dezembro deste ano, a Agência de Empreendedorismo de Pernambuco (AGE) liberou R$ 71,8 milhões por meio de financiamentos que beneficiaram 19.907 empreendedores formais e informais, pequenas e médias empresas da Região Metropolitana, Zona da Mata, Agreste e Sertão. Desse total, R$ 45,2 milhões foram em operações de microcrédito, principalmente pelo programa Crédito Popular. 

O volume é motivo de orgulho para o diretor-presidente da AGE, Márcio Stefanni. Ele destaca que a instituição vem atuando como um importante apoio aos empreendedores do estado durante a crise sanitária. "O microcrédito não é apenas uma política de fomento, para crescimento da atividade econômica, mas também de inclusão socioprodutiva e de assistência mitigadora da situação de extrema pobreza, na medida em que viabiliza recursos com juros subsidiados para que as pessoas possam manter a renda diante de uma situação econômica desfavorável ao emprego", afirmou Stefanni.

Em dezembro do ano passado, a AGE liberou R$ 3,56 milhões em financiamentos, beneficiando 1.251 pessoas e empresas nesse período. Dessa forma, no acumulado do ano, o total foi de R$ 38,89 milhões, alcançando 14.598 pessoas e empresas com diversas linhas de crédito, como o Crédito Popular, o CredAGE Retomada, o programa Mulheres Empreendedoras e o CredAGE Kit Gás.

O montante representa um crescimento expressivo em comparação com 2020, quando foram liberados R$ 35,49 milhões em crédito,beneficiando 6.323 pessoas e empresas. "Com o Plano Retomada, lançado pelo governador Paulo Câmara em agosto, o crédito ficou mais fácil, rápido e democrático. Hoje já chegamos a mais de 160 municípios de Pernambuco e pretendemos chegar aos 184 em 2021", comentou Márcio Stefanni.

Com o Plano Retomada, as taxas de juros do programa Crédito Popular caíram de 0,99% para apenas 0,50% ao mês para quem paga as parcelas em dia e aumentou o limite do valor a ser financiado, de R$ 4 mil para R$ 5 mil, com 14 meses para pagar, sendo dois meses de carência. Já para atender à demanda das micro e pequenas empresas, o Governo do Estado lançou a linha CredAGE Retomada, com financiamentos de até R$ 100 mil, com taxa de juros de apenas 0,99% ao mês para quem quitar as parcelas até o vencimento.

Os pernambucanos que tiverem interesse em acessar as linhas de crédito da AGE, devem preencher os formulários de pré-cadastro disponíveis no site www.age.pe.gov.br e aguardar o contato de um funcionário da agência. Informações também podem ser obtidas pelo telefone/WhatsApp (81) 3183-7450.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevistas com Dorgivânia Arraes (CRC-PE) e Fabi Soares, consultora de RH
Manhã na Clube: entrevistas com Augusto Coutinho (Solidariedade) e o psicólogo Carol Costa Júnior
Morre Olavo de Carvalho, considerado guru do bolsonarismo
Manhã na Clube: entrevistas com André de Paula (PSD), Eduardo Cavalcanti e Epitacio Rolim
Grupo Diario de Pernambuco