Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Economia

MARCAS PREFERIDAS

Hospital Português, 166 anos de excelência

Publicado em: 15/12/2021 09:49 | Atualizado em: 17/12/2021 07:51

 (Foto: Divulgação)
Foto: Divulgação
A chegada da Covid-19 provou que excelência e seriedade fazem diferença nos cuidados com a saúde. Por isso, o Real Hospital Português (RHP) foi escolhido como uma das Marcas Preferidas 2021.

“É uma satisfação constatar o reconhecimento a um trabalho realizado desde a fundação da Instituição, há 166 anos. Estar, mais uma vez, no topo do Marcas Preferidas é um orgulho compartilhado com nossos mais de 6 mil colaboradores das áreas assistenciais, operacionais e administrativas e os 2,5 mil médicos parceiros, além de representar uma grande responsabilidade em manter a excelência do cuidado”, ressaltou o diretor médico técnico do Português, Cristiano Hecksher.

Mesmo com a pandemia, o hospital investiu na criação do Real Oncocenter, um centro especializado em oncologia para tratamento dos diversos tipos de câncer, realizando serviços oncológicos como atendimentos clínicos, cirurgias, quimioterapia e radioterapia. O investimento no projeto é de R$ 50 milhões, incluindo a construção do prédio e a aquisição de equipamentos. O centro deve ser inaugurado em 2022.

Outra inovação é a inclusão de um fluxo específico para o paciente oncológico, modelo pioneiro em emergências nas regiões Norte e Nordeste, com um profissional da área para avaliar esses casos. Os pacientes cardíacos ou com suspeita de Acidente Vascular Cerebral (AVC) continuam contando com equipes especializadas, para garantir agilidade nos atendimentos.

“Era imprescindível garantir a continuidade dos tratamentos que não poderiam ser interrompidos, como oncologia e hemodiálise, durante a pandemia. Isso ajustado com as equipes, partimos para o segundo passo: separar os atendimentos de emergência, com os casos suspeitos de Covid-19 sendo direcionados para outra estrutura. Quando ocorreu a liberação dos procedimentos eletivos, implantamos o Fluxo Azul, com equipes, áreas e equipamentos distintos”, explicou Cristiano Hecksher.

Em 2021, o RHP celebrou 166 anos anunciando as inaugurações da nova emergência, da Clínica Real Vacina e do Centro de Pesquisa Clínica. Totalmente reformulada, a emergência oferece mais conforto e privacidade para o paciente e seu familiar. Com quartos individualizados, a nova estrutura permite a presença do acompanhante durante todo o tempo, garantindo mais tranquilidade para o paciente.

“O Real Hospital Português sempre foi referência em saúde. A eficiência das nossas equipes, o trabalho multidisciplinar realizado, a nossa grande estrutura - permitindo a criação de fluxos totalmente apartados e a possibilidade de abertura de novos leitos de acordo com a demanda - tudo isso contribuiu para reforçar a confiança do nosso paciente. Ser totalmente transparente e comunicar à sociedade como a Instituição estava se estruturando para esse enfrentamento da Covid-19, além de estreitar ainda mais a parceria com o SUS, ampliando os leitos de UTI, também foram fatores importantes para esse reconhecimento”, afirmou Cristiano.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Soldado russo se declara culpado por crime de guerra na Ucrânia
Manhã na Clube: entrevista com Maria Zilá Passo, advogada especialista em direito da saúde
Fechamento de escolas durante pandemia pode gerar prejuízos por décadas no Brasil
Cada vez mais brasileiros procuram a medicina tradicional chinesa
Grupo Diario de Pernambuco