Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Economia

MARCAS PREFERIDAS 2021

Coca-Cola, a marca mais consumida no mundo

Publicado em: 16/12/2021 09:16 | Atualizado em: 16/12/2021 15:50

 (O primeiro refrigerante da companhia em solo brasileiro foi produzido no Recife em 1941. Foto: Divulgação)
O primeiro refrigerante da companhia em solo brasileiro foi produzido no Recife em 1941. Foto: Divulgação
Coca-Cola é uma das marcas mais valiosas do mundo e também a mais consumida. Segundo o relatório Brand Footprint, da Kantar, a Coca-Cola foi a marca mais consumida pelo 9º ano seguido. O refrigerante foi escolhido pouco mais de 6,5 bilhões de vezes pelos consumidores do mundo todo em 2020.

A relação da Coca-Cola com o Recife vem de longe. Durante a Segunda Guerra Mundial, o então presidente da The Coca-Cola Company, Robert Woodruff, fez uma promessa às Forças Armadas dos Estados Unidos: os soldados americanos teriam sempre uma Coca-Cola gelada por perto para matar a sede e ao preço de 5 cents — independentemente do custo para a empresa. Assim, em 1941, a Coca-Cola fabricou no Recife o seu primeiro refrigerante em solo brasileiro. A capital de Pernambuco formava, junto com Natal, o chamado “Corredor da Vitória”, parada obrigatória das embarcações e outros veículos militares que rumavam para a Europa em guerra. A Coca-Cola usou as instalações da fábrica de água mineral Santa Clara, que existe até hoje. Depois foram instaladas minifábricas (kits com equipamentos básicos para produção de refrigerante) no Recife e em Natal.

A primeira fábrica constituída no país pela Coca-Cola Brasil foi inaugurada em São Cristóvão, à época um importante polo industrial do Rio de Janeiro. Em 18 de abril de 1942, foram produzidas as primeiras unidades — garrafinhas de 185ml, as únicas disponíveis. O concentrado e o gás vinham dos EUA. No fim da década de 1960, o Brasil já tinha mais de 20 fábricas, que abasteciam todo o território nacional.

Em junho de 1990 foi lançada a lata de alumínio 100% reciclável para todos os produtos. Pouco depois, chegou ao mercado brasileiro a garrafa plástica Superfamília retornável de 1,5L. O Brasil foi o terceiro país do mundo a adotar essa embalagem (depois de Alemanha e Holanda). Era a maior novidade em termos de embalagem em 50 anos. Em 1996, o Programa “Reciclou, Ganhou” marcou o pioneirismo da empresa em reciclagem no Brasil.

Em 2010, A Coca-Cola Brasil lançou a PlantBottle, a primeira garrafa PET (politereftalato de etileno) da América do Sul com matéria-prima de origem vegetal. Sua fabricação deixa de lado parte do uso dos derivados do petróleo, que foi substituído pelo etanol da cana-de-açúcar.

A Coca-Cola Brasil vem ampliando seu portfólio de bebidas ano a ano e, atualmente, atua em nove segmentos — refrigerantes, água, chás, néctares, sucos, lácteos, água de coco, bebidas esportivas e bebidas vegetais — com 26 marcas e mais de 200 produtos, incluindo versões zero ou de baixa caloria.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Soldado russo se declara culpado por crime de guerra na Ucrânia
Manhã na Clube: entrevista com Maria Zilá Passo, advogada especialista em direito da saúde
Fechamento de escolas durante pandemia pode gerar prejuízos por décadas no Brasil
Cada vez mais brasileiros procuram a medicina tradicional chinesa
Grupo Diario de Pernambuco