Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Economia

RETOMADA

Volume de atividades turísticas em Pernambuco supera nível pré-pandemia

Publicado em: 14/10/2021 15:05 | Atualizado em: 14/10/2021 18:32

Levantamento realizado pelo IBGE apontou alta de 2,6 pontos percentuais em comparação com o índice registrado em fevereiro de 2020 (Divulgação/Setur PE)
Levantamento realizado pelo IBGE apontou alta de 2,6 pontos percentuais em comparação com o índice registrado em fevereiro de 2020 (Divulgação/Setur PE)
Divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quinta-feira (14), a Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) apontou que, pela primeira vez, o volume de atividades turísticas em Pernambuco superou o nível pré-pandemia. Vivenciando um processo de retomada, possibilitado pela vacinação contra a Covid-19, o estado superou em 2,6 pontos percentuais o índice de atividades turísticas registrado em fevereiro de 2020. 

Em agosto deste ano, o crescimento no setor foi de 3,9%, o quinto resultado positivo seguido. Com esse percentual, Pernambuco ficou em sexto lugar entre as 12 localidades pesquisadas pelo IBGE. Os outros dois representantes do Nordeste no levantamento, Bahia e Ceará, também tiveram índices positivos, de 5,1% e 1,4%, respectivamente. Já a média brasileira foi de 4,6%.

Em comparação com o mesmo período de 2020, o avanço no estado foi de 118,8%, o segundo maior do país, ficando atrás apenas da Bahia, que registrou uma alta de 151,2%. No Brasil, a recuperação foi menos intensa, de 53,8%. Já na variação acumulada de janeiro a agosto deste ano, Pernambuco ficou em terceiro lugar, com avanço de 40,9%, atrás da Bahia (42,9%) e Goiás (42,2%), enquanto no Brasil o aumento foi de 17,7%.

Já na variação acumulada dos últimos 12 meses, Pernambuco foi um dos quatro estados, junto com Goiás, Bahia e Espírito Santo, que teve aumento nas atividades turísticas. A alta foi de 7,1%, em contraste com o resultado negativo do Brasil (-5,7%).

Para o secretário de Turismo e Lazer de Pernambuco, Rodrigo Novaes, os bons resultados confirmam a sequência positiva que o estado já vem experimentando. “Depois de um período de muita dificuldade por conta da pandemia, com a atividade do turismo bastante prejudicada, a gente tem um início de retomada no final do primeiro semestre. Os números consolidam essa boa perspectiva. O acumulado dos últimos meses coloca Pernambuco à frente no ranking no ranking nacional, à frente no Nordeste, e à frente dos outros estados”.

Os índices também devem impactar no número de voos durante a alta temporada. “A gente tem também números bastante favoráveis que diz respeito ao resgate da malha aérea. Em dezembro e janeiro, na alta temporada, teremos a maior atividade de malha aérea do Nordeste de toda a história. São números que mostram que, sem abandonar, sem abrir mão daquilo que é prioridade - a segurança, a saúde das pessoas - a gente está conseguindo retomar os empregos que foram perdidos em razão daquele período tão difícil”, complementa Novaes.

“Sabemos que teremos números ainda melhores e as perspectivas são muito boas diante de tudo que nós estamos vivendo. Diante do trabalho que foi realizado, de articulação, de promoção de shows, publicidade, trabalho para resgatar o fechamento da malha aérea. Tudo isso é muito importante. Esses fatores levaram a gente a ter números bastante importantes. É fundamental que a gente retome a atividade do turismo, justamente por conta da geração de renda que a atividade proporciona”, finaliza o secretário em tom otimista.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Entre túmulos e livros: coveiro se prepara para lançar livro
Cenário de destruição apos tiroteios em Beirute
Manhã na Clube: entrevistas com Simão Teixeira, presidente do Recife Convention & Visitors Bureau
Bolsonaro decidiu não se vacinar contra o coronavírus
Grupo Diario de Pernambuco