Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Economia

PRODUTO

Película translúcida para automóveis protege mais a pintura

Publicado em: 29/09/2021 10:27

 (Foto: Divulgação)
Foto: Divulgação
Não existe nada mais desagradável do que deixar o carro estacionado e, quando voltar, perceber uma mancha ou até mesmo um arranhão na pintura. Atualmente, no mercado, existem algumas opções para preservar a parte externa do veículo como aplicação de ceras encontradas nos mais diversos lava jatos. Mas, uma outra opção é a película translúcida.

O produto é a película protetota de pintura Nick PPF que ainda está chegando ao país, mas promete uma segurança até em casos de colisões. A novidade foi desenvolvida por meio da combinação avançada de polímeros elastoméricos, sendo intalada direto na carroceria.

Como o nome já diz, a película é quase invisível e é responsável não apenas por manter a conservação do veículo, mas em aumentar o brilho do carro em até 50%. Além disso, existem outros benefícios como prevenção de danos na pintura causados pela chuva e produtos ácidos, riscos e arranhões, bloqueio de sujeira indesejada de insetos e passados, proteção contra raios ultravioletas e uma duração de cinco a sete anos.

Entre as vantagens da Nick PPF ainda tem a facilidade de não amarelar, ser autorregenerativa, não cria bolhas ou enruga. Ela inda possui um auto brilho envernizado e não deixa resíduos na remoção, diferente de outras opções encontradas atualmente no mercado.

A película protetora pode ser encontrada na Multifilmes, em Recife. Ela é bastante procurada por quem deseja corrigir tanto alguma falha na pintura como por quem quer melhorar esteticamente o veículo.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Baixas na equipe de Guedes
Trump anuncia planos para lançar nova rede social
Manhã na Clube: entrevistas com Teresa Leitão (PT), Fernandes Arteiro e José Teles
CPI da Pandemia recomenda indiciamento de Bolsonaro
Grupo Diario de Pernambuco