Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Economia

CONSTRUÇÃO CIVIL

Rio Ave e Grupo Ricardo Brennand planejam novo empreendimento no Paiva

Por: Iris Costa

Publicado em: 21/06/2021 19:13 | Atualizado em: 21/06/2021 19:18

 (Foto: Reserva do Paiva/Divulgação)
Foto: Reserva do Paiva/Divulgação

Focados no segmento imobiliário de alto padrão, os grupos Rio Ave e Ricardo Brennand devem lançar uma série de empreendimentos, em parceria, nos próximos anos. O primeiro projeto à vista será erguido na reserva do Paiva. A versatilidade e o crescimento vertiginoso durante o período da pandemia de Covid-19, fizeram do bairro um dos favoritos para investimentos de alto padrão no último ano.

Os grupos estão confiantes nas oportunidades de atuação em diversos segmentos e regiões do estado. “A gente tá bem animado com essa parceria. O Grupo Ricardo Brennand já está inserido na reserva há alguns anos. Estamos muito orgulhosos de estarmos juntos nesse projeto e confiantes de que o mercado absorverá bem a nossa proposta para darmos sequência ao trabalho conjunto”, comenta Beto Ferreira da Costa, sócio e co-CEO do grupo Rio Ave.

Luís Henrique Valverde, diretor do Segmento Imobiliário do Grupo Ricardo Brennand também compartilha do entusiasmo. “Reforçamos nossa confiança na competência e excelência da Rio Ave. É muito gratificante tê-los junto conosco nessa nova etapa de desenvolvimento da Reserva do Paiva”.

Segundo Beto Ferreira da Costa, apesar de ainda não estar concluído, o projeto deste primeiro empreendimento já se encontra em fase final. “Ainda esse ano faremos o orçamento e, entre setembro e novembro, devemos informar a data de lançamento do empreendimento. As obras provavelmente iniciarão no primeiro semestre de 2022, sendo concluída entre 36 e 40 meses”, prevê.

Ainda de acordo com o co-CEO da Rio Ave, a aposta é focada na qualidade de vida do consumidor final. “Nesse último ano, principalmente por conta do isolamento, as pessoas estão procurando espaços mais próximos da natureza, e o Paiva tem se consolidado como alternativa para quem quer melhorar a qualidade de vida. Antes algumas pessoas consideravam o bairro um pouco distante, mas a tecnologia tem facilitado essa questão e a tendência é de que esse movimento se fortaleça ainda mais”.

Para atender diferentes públicos, a construção deve contar com apartamentos de diversos tamanhos e características, incluindo instalações de dois até quatro quartos. Também estão inclusos na proposta os apartamentos “garden”, recente tendência de mercado onde são construídos apartamentos no térreo, possibilitando a construção de jardins e um formato de imóvel que se assemelha a uma casa mais tradicional. O aporte previsto para a edificação está na ordem dos R$ 150 milhões.

“Durante a obra, prevemos a criação de aproximadamente 300 postos de trabalho, diretos e indiretos. Depois de pronto, o empreendimento contará com cerca de 40 profissionais. Como em todos os demais empreendimentos, temos focado muito na sustentabilidade social. Pretendemos construir algo que mesmo depois de pronto possa conversar com o entorno dele, tanto social quanto ambientalmente, finaliza Beto Ferreira da Costa.

O novo residencial tem projeto desenvolvido pelo escritório franco-brasileiro Triptyque Architecture, e pretende ser um marco na construção do bairro, trazendo opções para quem quer morar ou ter o imóvel como segunda residência, aproveitando que a Reserva do Paiva reúne a beleza de um destino de férias à proximidade da capital pernambucana.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Apesar dos protestos, começa a Olimpíada de Tóquio
Manhã na Clube: entrevista com o Presidente da Alepe, deputado Eriberto Medeiros (PP)
Em busca por vestígios de vida em Marte
Manhã na Clube: entrevista com Carlos Mariz (Associação Brasileira de Energia Nuclear)
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco