Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Economia

INVESTIMENTO

Bossanova anuncia entrada de Janguiê Diniz em seu quadro de acionistas

Publicado em: 27/04/2021 10:26

Com know-how no mercado de capitais, dono do family office Epitychia e fundador do grupo Ser Educacional terá como missão ajudar na estratégia empresarial da investidora (Divulgação)
Com know-how no mercado de capitais, dono do family office Epitychia e fundador do grupo Ser Educacional terá como missão ajudar na estratégia empresarial da investidora (Divulgação)
A Bossanova Investimentos, micro venture capital que investe em startups em estágio pré-seed com atuação em todo o país, anuncia a chegada do empresário Janguiê Diniz em seu quadro de acionistas com aquisição de 25% da empresa por valor não revelado.  

A partir desse novo passo, a investidora pretende acelerar sua missão de democratizar o acesso ao capital por meio de investimentos em série no estágio inicial. E isso será possível devido a toda expertise e know-how de Janguiê no mercado de capitais. Dono do family office Epitychia e fundador do grupo Ser Educacional, considerado o maior do setor de Ensino Superior no Norte e Nordeste e um dos maiores do país, o empreendedor terá como responsabilidade ajudar na estratégia empresarial e gestão da investidora. 

A partir da próxima segunda-feira (26), Janguiê já passa a atuar ativamente na Bossanova. “É muito bom ver como minha relação com a Bossanova vem sendo construída e se fortalecendo ao longo dos últimos anos, sempre baseada na confiança e parceria, e que culminou nessa sociedade. Espero colaborar com o crescimento de todo o grupo e também ajudar no estímulo às startups brasileiras, pois sabemos o potencial que o nosso país tem nesse campo”, avalia.

Janguiê Diniz teve sua trajetória pautada na educação. É mestre e doutor em Direito pela UFPE, foi Juiz Federal do Trabalho, Procurador do Ministério Público da União e professor da Universidade Federal de Pernambuco - UFPE. Em 2003 criou a Faculdade Maurício de Nassau, embrião do grupo Ser Educacional – hoje um dos maiores grupos de ensino superior do País e que está listado na Bolsa de Valores desde 2013. Janguiê além de fundador, ocupa o cargo de presidente do Conselho de Administração do grupo. Em 2014 criou a Epitychia, seu family office focado em Private Equity, Venture Capital e Real Estate e que fica sediado em São Paulo. Já investiu em diversas startups e empresas com modelos de negócios escaláveis. Também é fundador e presidente do Instituto Êxito de Empreendedorismo, organização sem fins lucrativos que atua no fomento à educação empreendedora por meio da oferta de cursos online e gratuitos para ajudar os jovens carentes, especialmente de escolas públicas a empreender na vida e nos negócios.

Fundada em 2015 com a junção do portfólio de startups investidas dos investidores-anjos João Kepler e Pierre Schurmann, a Bossanova foi pensada para preencher uma lacuna entre os aportes iniciais que as startups recebem e as rodadas de investimento que realizam quando a operação já está consolidada. 

Segundo João Kepler, CEO da investidora, apesar de Janguiê já ter investimentos junto à Bossanova em diversas startups, agora resolveram dar esse passo maior e importante para conquistar novos projetos. “É um empresário de grande experiência e sucesso que veio para nos agregar com sua visão e conhecimento no mercado de capitais, por já possuir uma empresa listada na Bolsa de Valores. Estamos muito contentes com essa adição que vai contribuir para o crescimento da Bossanova e do ecossistema brasileiro de startups”, finaliza Kepler.

Sobre a Bossanova
Criada em 2015 por meio da união do portfólio dos investidores-anjos João Kepler e Pierre Schurmann, a Bossanova Investimentos tem crescido e se fortalecido com novos sócios: o Grupo BMG, desde 2017; o empresário Thiago Oliveira, desde 2019; o Grupo Primo, desde março deste ano, liderado por Thiago Nigro; e, a partir de hoje, Janguiê Diniz, da Epitychia. Em seu portfólio, constam mais de 550 startups como RankMyApp, Smarthint, Kinvo, Hand Talk, Hallo, entre muitas outras e diversas saídas (exits) em startups tais como dLieve, Agenda Edu, Melhor Envio, Pedala e outras.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Anvisa recomenda suspender vacinação da AstraZeneca para grávidas
Anticorpos contra Covid-19 permanecem no sangue por pelo menos oito meses
Manhã na Clube - Entrevista com Rodrigo Maia e Gilson Machado Neto
De 1 a 5: dicas para destravar sua criatividade e ampliar a percepção
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco