Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Economia

Transformação

Plataformas de vendas online ganham força em Pernambuco

Publicado em: 30/09/2020 16:34 | Atualizado em: 30/09/2020 17:07

Iguatemi 365 passou a atender os consumidores do Recife. (Foto: Pixabay/Reprodução)
Iguatemi 365 passou a atender os consumidores do Recife. (Foto: Pixabay/Reprodução)

A transformação digital já não era novidade, mas a pandemia do coronavírus acelerou esse processo em todo o mundo. No Brasil, com o isolamento social imposto para conter a disseminação da Covid-19, impulsionou novas formas de consumo. Mesmo com as flexibilizações das atividades econômicas, as compras online se tornaram um caminho sem volta. Nesta onda, Pernambuco ganha mais uma opção. A Iguatemi Empresa de Shopping Centers está em processo de expansão do seu e-commerce, o Iguatemi 365, e passou a atender o público do Recife. Além disso, os shoppings pernambucanos também fizeram o movimento de levar a experiência de compra para o meio virtual e seguem mesmo depois de sua reabertura.

O Iguatemi 365 conta com um mix com mais de 14 mil produtos e mais de 300 marcas. "Estamos muito felizes por poder atender novos clientes em Recife, que sempre foi uma de nossas praças-alvo para desenvolvimento do negócio. A inovação faz parte do nosso DNA e sempre tivemos o desejo de ter uma plataforma digital que complementasse a experiência dos clientes, mesmo daqueles que não contam com um shopping da Iguatemi em sua cidade", conta Cristina Betts, vice-presidente de finanças e relações com investidores da Iguatemi.

O e-commerce tem o objetivo de oferecer produtos premium com uma curadoria e atendimento diferenciados da marca Iguatemi. O Iguatemi 365 tem em seu portfólio marcas exclusivas, como Chiara Ferragni, DVF, Entreposto, Ermenegildo Zegna, Lingua Franca, Max Mara, MMissoni, Muzungu Sisters, Radical Girl Gang, Si, Sold Out, Smythson, Tiffany&Co;, Vilebrequin e Artiz, além de outras marcas disponíveis, como Joalheria Casa Castro, Reserva, Reserva Mini, New Balance, Soleah, Twenty Four Seven, Nannacay, Dolce&Gabbana;, Vert, Coach, Osklen, A. Niemeyer, Emporio Armani, Carbono Galeria, Cariuma, Mistral, Livraria Cultura, Ricardo Almeida, Birkenstock, Le Lis Blanc, Bo.Bo, Rosa Chá, John John e Lenny Niemeyer.

Atualmente, o marketplace, que conta ainda com uma área exclusiva de conteúdo de moda e lifestyle, atende clientes de São Paulo, Brasília, Campo Grande, Curitiba, Goiânia, Porto Alegre, Belo Horizonte, Florianópolis, Fortaleza, Recife e Salvador, além de algumas cidades do interior dessas regiões.

Shoppings
Os shoppings pernambucanos também aceleraram o processo no mundo virtual para facilitar as compras dos consumidores locais. Os shoppings Guararapes, Plaza e Tacaruna lançaram recentemente suas plataformas de vendas digitais. No primeiro, o investimento foi de R$ 5 milhões e os pedidos, que podem ser feitos em mais de uma loja, podem ser entregues ou retirados em ponto de entrega no mall. Já no Plaza, a plataforma conta com 24 lojas e quiosques, enquanto no Tacaruna são 17, mix que deve ser ampliado com o tempo.

O RioMar também conta com vendas digitais. O Shopping Recife, Patteo Olinda, Camará Shopping, River Shopping e Paulista North Way têm vitrine virtual, com acesso aos produtos e aos lojistas.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Rhaldney Santos entrevista João Campos (PSB)
Rhaldney Santos entrevista o engenheiro Celso Cunha
Rhaldney Santos entrevista Victor Assis (PCO)
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão #177 - Peixeis ósseos e cartilaginosos
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco