Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Ciência e Saúde

COVID-19

Pesquisadores afirmam que doença gengival eleva em nove vezes risco de morte pela Covid

Publicado em: 05/02/2021 19:51 | Atualizado em: 05/02/2021 21:12

 (Foto: Osvaldo Silva/AFP)
Foto: Osvaldo Silva/AFP
O portal Medical Xpress publicou nesta sexta-feira (5) que um grupo de cientistas do mundo inteiro revelou que pessoas com doença gengival aumentam significativamente o risco de morte pelo novo coronavírus.

Uma equipe internacional de especialistas analisou o histórico clínico de 568 pacientes infectados pelo SARS-CoV-2 entre os meses de fevereiro a julho de 2020, acrescentando ainda a ficha odontológica dos participantes. Na análise ficou evidenciado que dos participantes do estudo, 45%, em particular, possuía doença gengival. Os pesquisadores levaram em conta os principais fatores de complicações da Covid, dentre os quais, idade, gênero, massa corporal e a presença de hábitos prejudiciais. Os cientistas descobriram que os pacientes com doença gengival são internados em UTI com uma frequência 3,5 vezes superior, e acabam necessitando de ventiladores pulmonares em uma frequência 4,5 vezes superior. 

O estudo constatou uma possibilidade nove vezes maior de vir a óbito da Covid quando se tem a doença gengival. Os pesquisadores também destacaram que os pacientes com o novo coronavírus que sofriam de doença gengival foram observados com marcadores de sangue aumentados demais, indicando, deste modo, inflamação. Os especialistas consideram que a resposta inflamatória pode explicar o porquê da frequência elevada das complicações apontada neste grupo de pacientes.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Bolsonaro diz não ter briga com a Petrobras
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 24/02
Atividades econômicas proibidas em 63 municípios do Agreste e Sertão
Brasil aprova uso definitivo da vacina da Pfizer, mas imunizante ainda não está disponível
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco