RIO DE JANEIRO

Com 19 mortos, operação no Alemão é a quarta mais letal da história

Publicado em: 22/07/2022 10:31

 (Foto: MAURO PIMENTEL / AFP)
Foto: MAURO PIMENTEL / AFP
Em um intervalo de apenas 14 meses, o Rio de Janeiro registrou três das quatro operações mais letais da história da cidade. A última foi nesta quinta-feira (21/7), quando 19 pessoas terminaram mortas durante uma operação policial no Complexo do Alemão. A operação empatou com a terceira mais letal da história do Rio. A 19ª morte, uma moradora identificada como Solange Martins, foi confirmada na manhã sexta (22/7).  

As duas primeiras ações policiais que terminaram com mais mortos ocorreram em um espaço de tempo de apenas um ano. A primeira no Jacarezinho, Zona Norte do Rio, em maio do ano passado, quando 28 pessoas foram mortas. Somente um dos casos foi a julgamento. Os policiais civis Douglas de Lucena Peixoto Siqueira e Anderson Silveira Pereira foram denunciados pelo Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) pela morte de Omar Pereira da Silva. O julgamento começou no fim de junho. 

Um ano depois, em maio deste ano, uma operação na Vila Cruzeiro, também na Zona Norte da cidade, terminou com 25 mortos. A ação se tornou a segunda mais letal da história do Rio.

Já nesta quinta, 18 pessoas morreram durante a operação no Complexo do Alemão, um dos maiores conjuntos de favela do Rio. Entre os mortos estão uma mulher, um policial e 16 suspeitos. Esta está sendo considerada  a operação mais violenta no Alemão desde a ocupação da comunidade, em 2010.

Ao todo, as três operações que ocorreram em pouco mais de um ano terminaram com 71 mortos. Além das três operações que ocorreram no Rio desde 2021, uma ação no Complexo do Alemão em junho de 2007 terminou com 19 mortos e é a terceira da história com mais mortos. Juntas as quatros operações, todas na Zona Norte da cidade, somam 90 mortos. 

Segundo dados divulgados pelo Instituto Fogo Cruzado nesta quinta, somente a Baixada Fluminense concentrou 481 tiroteios no primeiro semestre de 2022 e quase um terço dos registros ocorreram durante ações ou operações policiais, um aumento de 20% em relação ao mesmo período do ano passado. Neste tempo, 289 pessoas foram baleadas na região, sendo que 169 morreram e 120 ficaram feridas. Entre as ocorrências, 198 foram atingidas durante operações policiais, sendo 100 mortas e 98 feridas. 
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL

Confira os resultados da Quina 5924 e Lotofácil 2599 desta segunda-feira

15/08/2022 às 20h23

Varíola dos macacos: calendário de vacinação deve sair nesta semana

15/08/2022 às 20h01

Episódios neonazistas no Brasil quase dobraram no Brasil, aponta estudo

15/08/2022 às 18h20

Governo compra 1 milhão de vacinas CoronaVac para crianças de 3 a 5 anos

15/08/2022 às 17h40

Juiz é acusado de assédio sexual dentro de fórum e nas redes sociais

15/08/2022 às 16h45

São Paulo marca leilão do Rodoanel Norte para janeiro de 2023

15/08/2022 às 16h30

Pai mata filho no Dia dos Pais em discussão por drogas

15/08/2022 às 11h44

Jardineiro é resgatado após seis dias isolado em ilha no Rio de Janeiro

15/08/2022 às 10h58

Termina hoje prazo para prefeituras fazerem cadastros no Bem-Taxista

15/08/2022 às 09h05

Policial que matou lutador Leandro Lo foi a boate e motel após o crime

14/08/2022 às 13h45

Monark defende quem consome pornografia infantil: 'Não sei se é criminoso'

14/08/2022 às 13h39

Dia dos Pais: separações e reencontros marcam refugiados no Brasil

14/08/2022 às 13h32

Dia dos Pais: entenda origem da data no Brasil e no mundo

14/08/2022 às 11h18

Paraguaia é presa com cocaína no Aeroporto de Foz do Iguaçu

13/08/2022 às 17h23

Idoso é suspeito de estuprar cadela na região Nordeste de BH

13/08/2022 às 15h20

Mulher é suspeita de esfaquear companheiro durante briga em Muriaé

13/08/2022 às 15h17

Mega-Sena deste sábado paga prêmio de R$ 27 milhões

13/08/2022 às 14h11

Policial que matou tesoureiro do PT já está em Complexo Médico Penal

13/08/2022 às 14h05