Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Brasil

SÃO PAULO

População em situação de rua de SP terá comida grátis até dezembro

Publicado em: 07/06/2022 17:30

 (Antonio Cruz/Agência Brasil)
Antonio Cruz/Agência Brasil
Até o dia 31 de dezembro, o programa Bom Prato vai continuar oferecendo refeições gratuitas para a população em situação de rua que vive no estado de São Paulo. A informação foi confirmada hoje (7) pelo governador de São Paulo, Rodrigo Garcia.

Segundo o governo, as refeições gratuitas vão ser oferecidas nas 63 unidades do programa e também em 17 unidades do Bom Prato Móvel.

A decisão de estender as refeições gratuitas atende a uma decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo. Em março deste ano, a Justiça determinou que o estado de São Paulo continue a prestar gratuitamente o serviço a pessoas em situação de rua, com fornecimento de café da manhã, almoço e jantar, todos os dias da semana, inclusive finais de semana e feriados, enquanto perdurar o estado de calamidade causado pela Covid-19.

De acordo com o governo, terão direito às refeições gratuitas as pessoas em situação de rua que são cadastradas nas prefeituras do estado. Com o cadastro em mãos, o portador deve apresentá-lo à unidade e poderá se servir sem custo algum.

Criado em dezembro de 2000, o Programa Bom Prato tem como objetivo oferecer refeições saudáveis a custo acessível para a população de baixa renda. Atualmente, o almoço custa R$ 1 e, o jantar, R$ 0,50. O programa também oferece café da manhã a R$ 0,50.

Com a pandemia do novo coronavírus, o governo de São Paulo passou também a oferecer gratuidade a partir de maio de 2020 para a população mais vulnerável. A medida ia durar até o dia 31 de julho mas agora o governo estadual decidiu prorrogá-la até o final do ano. Durante a pandemia já foram oferecidas 1,8 milhão de refeições gratuitas, informou a administração estadual.

Até dezembro, algumas unidades do Bom Prato vão também continuar oferecendo refeições aos sábados. São elas: na capital (Brás, Campos Elísios, Lapa, 25 de Março, São Mateus, Guaianases e Santana) e no interior (Campinas, São José dos Campos, Santos I - Mercado, Taubaté, Rio Claro, Bauru, Carapicuíba e Franca). Há unidades que também abrem aos domingos como as do Brás, Campos Elísios, Lapa, 25 de Março, São Mateus e Guaianases.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Suspeito de ataque a tiros com seis mortos é detido nos EUA
Manhã na Clube: entrevistas com o pastor Wellington Carneiro e Alexandre Castelano
Planta gigante, prima da vitória-régia, é descoberta em Londres
Manhã na Clube: entrevistas com a deputada estadual Teresa Leitão (PT) e Juliana César
Grupo Diario de Pernambuco