Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Brasil

MAIO AMARELO

Campanha Maio Amarelo quer conscientizar motoristas: 'Juntos salvamos vidas'

Publicado em: 04/05/2022 13:05

 (crédito: Ricardo Botelho/MINFRA)
crédito: Ricardo Botelho/MINFRA
O Ministério da Infraestrutura lançou nesta quarta-feira (4) a campanha Maio Amarelo, com o tema “Juntos salvamos vidas”. É o nono ano em que o movimento, que dura todo o mês e busca conscientizar motoristas e pedestres sobre a prevenção de acidentes, acontece no Brasil. Em 2022, a iniciativa é marcada pela volta das ações práticas nas ruas, após dois anos de pandemia.

O ministro da Infraestrutura, Marcelo Sampaio, apontou que a campanha é um convite de amor ao próximo. “Aqui é um convite para amar o próximo, aqueles que estão conosco no trânsito, para ter atenção no trânsito. (Com a campanha) Nós estamos mostrando a importância dessa conscientização do respeito e risco que temos no trânsito”, afirmou.

“Nós também continuamos com nosso papel obcecado em duplicar rodovias, colocar sinalização, tecnologia nos veículos e também na conscientização dos condutores”, disse. Sampaio também apontou que sofreu 14 acidentes de trânsito, dois deles com animais silvestres — tema que apontou como “um dos desafios” da segurança nas vias.

A Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran) é a responsável pelas atividades que visam chamar a atenção para a redução do número de acidentes e vítimas. Segundo o secretário da pasta, Frederico Carneiro, o movimento é para toda a sociedade. “Nós abraçamos esse movimento porque tem resultado, coincidência ou não, desde 2014, quando o movimento foi criado, registramos sucessivas quedas nas mortes de trânsito”, frisou.

Pautas positivas
 
Sampaio também destacou a importância de se manter pautas positivas para evitar infrações no trânsito que podem levar a acidentes nas vias. “Cerca de 90% dos acidentes acontecem por falha humana. Engajados para reduzir essa falha, acabo de assinar o cadastro positivo para mudar o mindset do cidadão. É importante ter a ideia de que, se não teve nenhuma infração no ano, por que não ter descontos? A ideia é premiar aqueles que estão fazendo o bem cumprindo a legislação”, explicou.

O “Cadastro do Bom Motorista” está previsto na nova Lei de Trânsito (14.071/20), por meio do Registro Nacional Positivo de Condutores (RNPC). O dispositivo serve para premiar os condutores que não cometeram infrações de trânsito sujeitas à pontuação na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) por um período de um ano. Entre os benefícios estão descontos no licenciamento e IPVA, tarifas diferenciadas para renovação da CNH, entre outros.

Nova CNH
 
O secretário nacional de trânsito também entregou ao ministro da Infraestrutura o novo modelo de CNH que passará a valer a partir do dia 1º de junho. O layout do documento foi mudado, com a maioria das cores em verde e amarelo.

O documento contará com novidades como a categoria da habilitação bem como um desenho do modelo de veículo que o condutor está apto a dirigir. Há também a indicação se aquela CNH é provisória ou definitiva, por meio das letras “P” e “D” estampadas. Os que utilizam a habilitação para trabalho também terão o serviço sinalizado e haverá um campo para sinalizar restrições médicas.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Refugiados ucranianos no Brasil: mais de 10 mil quilômetros longe de casa
Manhã na Clube: entrevista com Miguel Coelho
Manhã na Clube: entrevista com dr. Antônio Manuel de Almeida Dias, presidente da CESPU Europa
Tite divulga lista de convocado  com uma surpresa
Grupo Diario de Pernambuco