Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Brasil

APÓS ESTRAGOS

Chuvas: cidades de Minas contabilizam prejuízos para receber ajuda federal

Publicado em: 04/01/2022 18:45

 (foto: Reprodução/Ministério do Desenvolvimento Regional)
foto: Reprodução/Ministério do Desenvolvimento Regional

Prefeituras do Vale do Jequitinhonha e do Norte de Minas iniciaram nesta terça-feira (4/1), com o apoio da Defesa Civil, um levantamento dos prejuízos que tiveram com os últimos temporais, que deixaram destruição e desabrigados. Com base nesse trabalho, o governo federal vai definir o valor dos recursos que serão repassados aos municípios mineiros, o que será feito por medida provisória.

 

Nessa segunda-feira (3/1), os ministros Rogério Marinho,  do Desenvolvimento Regional, e Flávia Arruda, da Secretaria Geral da Presidência, sobrevoaram os municípios mais afetados, nas duas regiões.

 

O senador Alexandre Silveira (PSD-MG), que acompanhou os ministros, cobrou maiores esforços das autoridades por uma resposta rápida à população atingida pelo grande volume de chuvas.

 

Silveira afirma que o cenário presenciado nesses municípios exige das autoridades uma solução rápida. "O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, e eu estamos trabalhando aqui em Brasília para que não falte a ajuda necessária a essas cidades, especialmente o auxílio para as pessoas que ficaram desabrigadas ou desalojadas", ressaltou o senador.

 

Ele destaca que a visita dos ministros Rogério Marinho e Flávia Arruda às cidades foi essencial para verem o estado de urgência desses municípios. "Sobrevoamos vários municípios e os ministros viram os estragos provocados pelas chuvas. E se sensibilizaram para a necessidade de ajuda financeira imediata a essas cidades", pontuou.

 

De acordo com o senador, o governo federal definirá o valor que será oferecido para as cidades prejudicadas assim que os levantamentos estiverem concluídos. "Há uma determinação do próprio presidente Bolsonaro (PL), como ressaltou o ministro Rogério Marinho, para que não faltem os recursos necessários para essas cidades mineiras", afirmou Silveira. "Vamos trabalhar e cobrar empenho para que as verbas cheguem o mais rapidamente possível", completou. 

 

Almenara e Salinas

 

A primeira visita dos ministros Marinho e Flávia Arruda, após sobrevoar os municípios das regiões mais afetadas, foi em Almenara, uma das cidades mais prejudicadas pelas chuvas. No município, os ministros se reuniram com prefeitos e lideranças locais para acompanharem de perto os estragos causados pelas chuvas. 

 

O segundo destino foi a cidade de Salinas, também bastante prejudicada pelas fortes chuvas, onde os ministros, acompanhados do senador e de deputados federais da bancada mineira, também se reuniram com prefeitos de cidades vizinhas.

 

No ano passado, Rodrigo Pacheco e Alexandre Silveira conseguiram recursos orçamentários para quase todas as cidades mineiras que, somados, ultrapassam R$ 1 bilhão. 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevistas com Augusto Coutinho (Solidariedade) e o psicólogo Carol Costa Júnior
Morre Olavo de Carvalho, considerado guru do bolsonarismo
Manhã na Clube: entrevistas com André de Paula (PSD), Eduardo Cavalcanti e Epitacio Rolim
OMS: é possível encerrar fase aguda da pandemia este ano
Grupo Diario de Pernambuco