Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Brasil

SAÚDE

Ministério da Saúde abre edital para programa Médicos pelo Brasil

Publicado em: 10/11/2021 13:31

 (Programa substituirá o Mais médicos; chamamento pretende abrir 5 mil vagas para profissionais da saúde de todo o Brasil. Foto: Minervino Júnior/CB/D.A Press)
Programa substituirá o Mais médicos; chamamento pretende abrir 5 mil vagas para profissionais da saúde de todo o Brasil. Foto: Minervino Júnior/CB/D.A Press
O Ministério da Saúde anunciou na terça-feira (9) que a abertura do primeiro edital do programa Médicos pelo Brasil será lançado em dezembro. A proposta substitui o atual Mais Médicos, lançado em 2013 no governo da ex-presidente Dilma Rousseff (PT). 

De acordo com a pasta, o novo programa traz novidades "como formação em medicina de família e comunidade, remuneração mais alta, avaliação de desempenho, progressão de carreira (com o objetivo de diminuir a rotatividade dos médicos), e gratificação para a atuação em áreas remotas e de saúde indígena". Segundo o órgão, a proposta promoverá 5 mil vagas imediatas já em 2022.

"É prioridade do Médicos pelo Brasil contemplar os municípios mais pobres e que mais necessitam dos serviços de saúde”, disse o secretário de Atenção Primária do Ministério da Saúde, Raphael Câmara.

O Ministério da Saúde ainda afirmou que os contratos do programa Mais Médicos ainda continuarão vigentes até o final. O Médicos pelo Brasil foi lançado em 2019 com o objetivo de estruturar a carreira médica federal para locais com dificuldade de provimento e alta vulnerabilidade.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Bruno Becker, da chapa Náutico Sustentável, divulga projetos para o Timbu
Unicap continua com as inscrições abertas para Vestibular 2022
Manhã na Clube: entrevista com o deputado estadual Romero Sales Filho (PTB)
Variante ômicron representa risco elevado para o planeta
Grupo Diario de Pernambuco