Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Brasil

GERAL

Força Nacional ajudará Funai a proteger indígenas Kawahiva

Publicado em: 12/11/2021 09:53

 (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
O Ministério da Justiça e Segurança Pública autorizou o emprego da Força Nacional de Segurança Pública na Terra Indígena Kawahiva do Rio Pardo, em Mato Grosso. A portaria prevendo a medida como apoio à Fundação Nacional do Índio (Funai) foi publicada no Diário Oficial da União de hoje (12).

Segundo a portaria, a Força Nacional atuará nas atividades e serviços "imprescindíveis à preservação da ordem pública, da incolumidade das pessoas e do patrimônio, em caráter episódico e planejado". A medida valerá por 30 dias, podendo ser prorrogada se necessário.

Isolados
Segundo a Funai, a Terra Indígena Kawahiva do Rio Pardo tem 411.844 hectares e é habitada por indígenas isolados. No caso, os Kawahiva (Tupi-Kawahib), do tronco linguístico Tupi da família Tupi-Guarani.

A cobiça de não indígenas pela região motivou, por anos, ações da Funai no sentido de proteger e conservar a área. A presença da Força Nacional se fez necessária após a intensificação de conflitos na região.

De acordo com a portaria, o contingente a ser disponibilizado será definido a partir de planejamento da Diretoria da Força Nacional, vinculada à Secretaria Nacional de Segurança Pública.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Laboratório anuncia teste para diferenciar o coronavírus da gripe A e B
Manhã na Clube: entrevistas com Alberto Feitosa (PSC), Márcia Horowitz e Andreia Rodrigues
Justiça por Beatriz: pais organizam peregrinação de 720 km para cobrar solução de assassinato
Pessoas que já tiveram covid podem adoecer novamente devido à ômicron
Grupo Diario de Pernambuco