Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Brasil

PANDEMIA

Saúde recomenda que segunda dose da vacina seja tomada mesmo fora do prazo

Publicado em: 27/04/2021 16:54

 (Foto: VYACHESLAV OSELEDKO / AFP)
Foto: VYACHESLAV OSELEDKO / AFP
O Ministério da Saúde recomendou nesta terça-feira (27) que a população tome a segunda dose da vacina contra a Covid-19 mesmo fora do prazo estipulado na bula do fármaco. A recomendação ocorre em meio a registros de pessoas que não conseguiram receber a segunda aplicação ao procurar os postos de saúde.

“A população deve tomar a segunda dose da vacina Covid-19 mesmo que a aplicação ocorra fora do prazo recomendado pelo laboratório. Essa é a orientação do Ministério da Saúde, que reforça a importância de se completar o esquema vacinal para assegurar a proteção adequada contra a doença”, disse a pasta em nota técnica.

Os dois imunizantes contra a Covid-19 que estão disponíveis no Programa Nacional de Imunizações (PNI) precisam de duas doses para garantir a imunização completa contra a doença. Enquanto a CoronaVac, produzida pela Sinovac e Instituto Butantan, precisa se reaplicada no intervalo de quatro semanas, a vacina de Oxford/AstraZeneca, produzida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) no Brasil, precisa de reaplicação no intervalo de 12 semanas.

Nessa segunda-feira (26), durante sessão da Comissão da Covid-19, no Senado Federal, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, admitiu que não há quantitativo para garantir o reforço da vacinação da CoronaVac a todos, em razão dos atrasos na importação do ingrediente farmacêutico ativo (IFA).

Segundo o ministério, há três grupos prioritários pendentes da segunda aplicação da vacina produzida pelo Butantan: 3% dos trabalhadores da saúde, 6,2% das forças de segurança, salvamento e Forças Armadas e 1,9% dos idosos entre 60 e 64 anos. Ao todo, 416.507 pessoas precisam tomar a segunda dose da CoronaVac.

“A previsão de envio da segunda dose para esses grupos é para a primeira semana de maio, cumprindo o ciclo vacinal no tempo adequado”, diz a nota da pasta.
TAGS: dose | segunda | vacina | covid | pandemia |
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Anvisa recomenda suspender vacinação da AstraZeneca para grávidas
Anticorpos contra Covid-19 permanecem no sangue por pelo menos oito meses
Manhã na Clube - Entrevista com Rodrigo Maia e Gilson Machado Neto
De 1 a 5: dicas para destravar sua criatividade e ampliar a percepção
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco