Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Brasil

CASO HENRY BOREL

'Esta infeliz matou meu filho. Meu filhinho deve ter sofrido muito', diz pai de Henry Borel

Publicado em: 08/04/2021 15:17

Mãe e padrasto da criança foram presos nesta quinta-feira, após mensagens de celular da babá do menino revelarem que mãe sabia das agressões (crédito: Instagram/ reprodução)
Mãe e padrasto da criança foram presos nesta quinta-feira, após mensagens de celular da babá do menino revelarem que mãe sabia das agressões (crédito: Instagram/ reprodução)
O pai do menino Henry Borel, 4 anos, Leniel Borel, pronunciou-se após a prisão preventiva da ex-mulher, Monique Medeiros, mãe da criança, e do namorado dela, Dr. Jairinho. "Esta infeliz matou meu filho. Meu filhinho deve ter sofrido muito". disse o engenheiro à TV Globo. 

Antes mesmo de saber da prisão do casal, Leniel tinha postado nas redes sociais uma homenagem ao filho. Nesta quinta-feira (8/4), completa um mês da morte da criança. "Henry, 30 dias desde que te dei o último abraço. Nunca vou esquecer de cada minuto do nosso último final de semana juntos. Deixar você bem, cheio de vida, com todos os sonhos e vontades de uma criança inocente. Desculpe o papai por não ter feito mais, lutado mais e protegido você muito mais", escreveu. 

O padrasto e mãe do menino foram presos nesta quinta-feira (8/4) por terem atrapalhado as investigações do caso. A Polícia Civil disse já ter provas suficientes de que Dr. Jairinho torturou a criança até a morte. Henry Borel morreu com lesões no fígado, rim, pulmão e crânio. Ele já chegou no hospital sem vida. 

Agressões eram recorrentes 
 
A Polícia Civil teve acesso a mensagens trocadas entre a mãe da criança e a babá, em que ela relata agressões sofridas pelo menino em 12 de fevereiro, quase um mês antes da morte de Henry. Apesar disso, Monique não denunciou o namorado e mentiu em depoimento à polícia. 

O casal alega que a criança morreu após ter caído da cama. Porém, a autópsia e reconstituição dos fatos afastaram a hipótese de acidente doméstico. 
TAGS: borel | henry | pai |
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Posse e compra de armas de fogo geram polêmica entre autoridades e população
Liberdade de imprensa piora no Brasil de Bolsonaro
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 20/04
Metade da população adulta nos EUA já tomou ao menos uma dose de vacina contra Covid
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco