Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Brasil

FIOCRUZ

Ministro Luiz Fux exonerou secretário que pediu reserva de 7 mil vacinas para o STF

Publicado em: 28/12/2020 16:09

 (Foto: Evaristo Sa/AFP
)
Foto: Evaristo Sa/AFP
O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux, exonerou do cargo o secretário de serviços integrados de saúde da Corte, o médico Marco Polo Dias Freitas. O servidor foi apontado como o responsável por realizar um pedido a Fiocruz para reservar 7 mil doses da vacina da Covid-19 para os funcionários do Supremo.

Fux informou ainda que estava sofrendo críticas de membros da Corte por uma decisão de que ele não tinha conhecimento. A informação foi revelada pelo jornal O Globo e, segundo o jornal O Estado de S. Paulo, o documento enviado à Fiocruz alegava que a reserva das vacinas teria como intuito a 'destinação de equipamentos públicos de saúde a outras pessoas, colaborando assim com a Política Nacional de Imunização'.

A Fiocruz negou a solicitação e justificou não possuir autonomia 'nem para dedicar parte da produção' para a imunização dos próprios servidores da fundação. Além disso, ainda destacou que a produção de vacinas será integralmente destinada ao Ministério da Saúde.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Enem em plena pandemia vira desafio em dobro para estudantes
Enem para todos com o Fernandinho Beltrão #369 #370 Isolamento geografico, reprodutivo e genético
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 15/01
Amazonas anuncia toque de recolher
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco