Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Brasil

EDUCAÇÃO

Professora brasileira é finalista do prêmio Global Teacher Prize 2020

Publicado em: 04/11/2020 21:16

 (foto: Global Teacher Prize/Divulgação)
foto: Global Teacher Prize/Divulgação
Doani Emanuela Bertan, 39 anos, está entre os 10 finalistas do Global Teacher Prize 2020, prêmio mundial que homenageia educadores e é organizado pela Varkey Foundation e pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura).

O anúncio foi feito, por meio de vídeo, pelo comediante e apresentador Stephen Fry nesta quarta-feira (4/11). A professora Doani está entre os finalistas devido ao trabalho com educação bilíngue para surdos. “Seu trabalho árduo e sua empatia realmente transformaram a vida desses alunos”, declarou Fry no vídeo.

Doani é professora da Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Júlio de Mesquita Filho, em Campinas (SP). Os finalistas concorreram com mais de 12 mil indicados e inscritos de mais de 140 países. “Indescritível”, disse a professora sobre o que sentiu ao receber a notícia.

Para ela, mais importante do que ganhar é trazer visibilidade para a educação surda, bilíngue e pública. O primeiro passo foi dado. A oportunidade de ser uma das finalistas, diz Doani, é um sinal de que está no caminho certo.

“Isso me encoraja a mostrar meu trabalho para que ele possa ser replicado ou auxiliar outros professores, outros alunos, outras pessoas”, comemora a professora.

História de transformação

A inspiração de Doani Emanuela Bertan para se tornar professora veio da mãe, que sempre deixou claro às filhas que, se quisessem ter uma vida melhor, seria por meio da educação. Doani, então, se propôs a oferecer essa transformação a outras pessoas: seus futuros alunos.

Depois de ter contato com pessoas surdas e entender as dificuldades enfrentadas por elas, resolveu ser professora, aprendeu a linguagem brasileira de sinais (libras) e, desde 2008, trabalha com ensino bilíngue de português e libras.

Ensino híbrido

A escola onde Doani Bertan leciona está localizada em uma área carente e se destaca pela grande quantidade de alunos surdos. Para auxiliar a instituição e os estudantes a superarem as dificuldades, ela aposta no ensino híbrido, que mescla o aprendizado em sala de aula com atividades virtuais.

Desde 2017, tem um canal no YouTube chamado Sala 8 em que posta videoaulas e atividades. A professora era acostumada a fazer videochamadas com os alunos por mensagem, mas fazia falta um material de apoio fazia falta.

“O Sala 8 contribuiu para que houvesse esse estreitamento linguístico entre a criança e a sua família. Com o canal, os pais conseguem aprender os sinais que o filho aprende em sala de aula, além de poderem acompanhar de perto o conteúdo escolar”, explica.

Ampliação do ensino bilíngue

Doani planeja ampliar o conteúdo publicado no YouTube para contemplar também alunos do ensino médio. Ela também quer trazer videoaulas de outras disciplinas, como o inglês. Outra meta é inserir os alunos na tecnologia de maneira imersiva, para que eles não só acessem os conteúdos, mas também aprendam a editar e produzir conteúdos.

Caso ganhe o prêmio, ela deseja fomentar ainda mais canal no YouTube e ampliar a educação bilíngue. Para ver os vídeos e conhecer um pouco mais do trabalho desempenhado pela professora, acesse o canal Sala 8.


Finalistas do prêmio

Os outros professores finalistas do Global Teacher Prize são o malaio Samuel Isaiah, o indiano Ranjitsinh Disale, o nigeriano Olasunkanmi Opeifa, o britânico Jamie Frost, o italiano Carlo Mazzone, a sul-africana Mokhudu Cynthia Machaba, a estadunidense Leah Juelke e o sul-coreano Yun Jeong-hyun.

A cerimônia virtual da sexta edição do prêmio, prevista para 3 de dezembro de 2020, será apresentada pelo comediante, ator, escritor e apresentador inglês Stephen Fry no Museu de História Natural de Londres.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 01/12
De 1 a 5: Novembro Azul chega ao fim, mas prevenção do câncer de próstata precisa ser permanente
Enem para todos com o professor Fernandinho Beltrão #276 Propagação vegetativa em plantas
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 30/11
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco