Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Brasil

CORONAVÍRUS

Após dizer que não se recuperou totalmente, Pazuello cancela agenda

Publicado em: 12/11/2020 13:43

 (Foto: Marcos Corrêa/PR)
Foto: Marcos Corrêa/PR
Um dia depois de declarar que não está “completamente recuperado” da Covid-19, e voltar ao trabalho presencial no Ministério da Saúde, o ministro Eduardo Pazuello cancelou a agenda prevista para esta quinta-feira (12). Ontem, durante lançamento da campanha Novembro Azul, contra o câncer de próstata, ele afirmou a Covid-19 é uma “doença complicada” e que “é difícil você voltar ao normal”.

Com isso, o general deve permanecer trabalhando remotamente do Hotel de Trânsito de Oficiais, onde está hospedado. Segundo fontes ouvidas pelo Correio, ontem mesmo o general chegou a cancelar a participação em uma reunião que aconteceria à tarde.

Na quarta-feira (11), foi o primeiro dia de trabalho presencial de Pazuello depois que contraiu o novo coronavírus. Ao testar positivo, em 21 de outubro, ele chegou a ser internado em dois hospitais: primeiro, numa unidade de saúde particular, em Brasília, para só então ser transferido para o Hospital das Forças Armadas (HFA). O general teve alta do HFA em 3 de novembro, quando recebeu diagnóstico negativo para covid-19.

Mesmo com o cancelamento da agenda, Pazuello tem a primeira viagem de trabalho, neste pós-retorno, marcada para esta sexta-feira (13). Vaia a Ribeirão Preto (SP) junto com o ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marcos Pontes.

Além disso, Pazuello deve passar o final de semana no Rio de Janeiro, onde, na segunda-feira (16), visitará o Hospital Federal de Bonsucesso, que se incendiou em 27 de outubro. Na agenda exibida no site do ministério ainda não há compromissos oficiais.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Argentina chora perda de Maradona
Jogadores se despedem de Maradona
Rhaldney Santos entrevista Dra Amanda López, neurocirurgiã pediátrica
Rhaldney Santos entrevista João Campos (PSB), candidato à Prefeitura do Recife
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco