Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Brasil

BALANÇO

Com mais 45.961 casos do novo coronavírus, Brasil tem mais de 3,9 milhões de infecções

Publicado em: 31/08/2020 19:08

 (Foto: Silvio Avila/AFP)
Foto: Silvio Avila/AFP
Com mais 45.961 confirmações de novas infecções do novo coronavírus, o Brasil se aproxima da marca de quatro milhões de diagnósticos positivos. Com os novos números divulgados nesta segunda-feira (31) pelo Ministério da Saúde, o país já soma 3.908.272 casos do novo vírus. Além disso, a pasta também adicionou ao balanço mais 553 vítimas da Covid-19. Com isso, 121.381 óbitos já foram confirmados dentro do país.

Apesar de continuar registrando mortes e casos pela doença, na última semana epidemiológica finalizada, a 35ª, o Brasil observou uma pequena redução tanto no número de novos casos, quanto no número de novos óbitos, em relação à semana anterior, a 34º. Foram registrados 1.475 infecções e 806 mortes a menos entre as duas. É a segunda semana que o país observa uma queda na curva de casos.

Mesmo com a breve descida vista na curva nacional, os dados dos estados ainda preocupam especialistas. Atualmente são 22 unidades federativas com a confirmação de mais de mil mortes cada. Quem lidera o ranking negativo é São Paulo, com 30.014 óbitos pelo novo coronavírus, acumulando quase um quarto das mortes brasileiras.

O número de vítimas do estado é maior do que o de alguns países como França e Espanha, que segundo a Universidade Johns Hopkins têm 30.640 e 29.094 mortes pela doença, respectivamente.

Apesar dos altos números, governo de São Paulo anunciou hoje que o estado registrou a terceira semana seguida de queda de óbitos e internações por covid-19. Entre os dias 23 e 29 de agosto, houve redução de 4% nos óbitos e de 4,4% nas internações em relação à semana anterior, entre os dias 16 a 22 de agosto.

"É uma continuidade de bons indicadores que já se prolongam por três semanas no Estado de São Paulo. Mas volto a repetir com muita ênfase, temos que ter extrema precaução. Não há nada para celebrarmos. A celebração só virá após a imunização com a vacina. Até lá temos que ter resiliência, paciência, compreensão e proteção à vida", alertou o governador João Doria.

Outros estados
O Rio de Janeiro é o segundo com mais fatalidades, com 16.065 vítimas da covid. Os dois (SP e RJ) são os únicos estados que têm mais de 10 mil mortes.

Em seguida estão: Ceará (8.409), Pernambuco (7.593), Pará (6.146), Bahia (5.397), Minas Gerais (5.335), Amazonas (3.649), Maranhão (3.446), Rio Grande do Sul (3.435), Paraná (3.290), Espírito Santo (3.158), Goiás (3.094), Mato Grosso (2.751), Distrito Federal (2.521), Paraíba (2.450), Rio Grande do Norte (2.256), Santa Catarina (2.260), Alagoas (1.887), Sergipe (1.857), Piauí (1.825) e Rondônia (1.148).

No pé da tabela estão: Mato Grosso do Sul (862), Tocantins (673), Amapá (661), Acre (612), Roraima (587).
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Rhaldney Santos entrevista o candidato à prefeitura do Recife Carlos de Andrade Lima (PSL)
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão #164 Atrópodos: a importância da quitina
Pernambuco investe R$ 47,2 milhões na agricultura familiar
Rhaldney Santos entrevista o ortopedista Leonardo Silveira
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco