Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Notícia de Brasil

Crime digital

Homem parabeniza assassino de PM nas redes sociais e é detido em BH

Publicado em: 17/09/2019 22:29

Por meio do Facebook, o homem, de 27 anos, comentou em uma reportagem sobre o crime do cabo da PM, elogiando os atiradores - Créditos: Reprodução/Internet.
A ocorrência foi registrada por volta das 11h. De acordo com a PM, após a divulgação de reportagens sobre o caso, o homem, por meio do Facebook, fez comentários sobre o assassinato do cabo Sérgio Ricardo Silvério Cavalcanti, de 35 anos, que foi surpreendido por dois homens em uma motocicleta. Ele fazia parte da 1ª Região de Polícia Militar (RPM). Uma jovem, de 21, e uma criança de 1 ano e 11 meses ficaram feridas.

Em uma reportagem sobre o caso, o homem parabenizou a ação dos atiradores. “Parabéns ao menino da moto”, postou. Logo em seguida, foi respondido por outros internautas, que não gostaram do comentário.

A PM teve acesso às mensagens e começou os levantamentos para chegar até o homem. Ele acabou detido em casa. De acordo com a PM, as mensagens já tinha sido apagadas quando o rapaz foi encontrado. No boletim de ocorrência, consta a versão dos militares de que o homem confessou o crime. Ele foi encaminhado para a delegacia, onde deve responder por apologia ao crime.

A Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais (SEE/MG) afirmou, por meio de nota, que a  Superintendência Regional de Ensino (SRE) Metropolitana C, responsável pela coordenação e acompanhamento da escola onde o professor trabalha, bem como a direção da unidade escolar estão cientes da ocorrência registrada pela Polícia Militar, mas ainda não conhecem o teor do registro.

“É importante ressaltar que cabe aos órgãos competentes a investigação dos fatos. A escola aguardará o resultado das apurações para adotar as eventuais medidas administrativas”, afirmou a SEE na nota.

Morte do policial

A PM continua as buscas pelos assassinos do cabo da PM em Ibirité. O crime aconteceu no Bairro Vista Alegre. Segundo a PM, o policial estava no carro com uma mulher e uma criança, na noite dessa segunda-feira, quando foi abordado por dois homens em duas motocicletas ao passar pela Rua Acre. Testemunhas contaram que viram os homens discutindo com o policial e, em seguida, barulhos de tiros. Foram pelo menos 10 disparos. Os criminosos teriam atirado e o policial reagido. O cabo, que dirigia o carro, tentou fugir, mas, logo perdeu o controle da direção e bateu em um toco de árvore.

Após a troca de tiros, os criminosos teriam percebido a presença do bebê e um deles teria dito: "Vocês são doidos de trocarem tiros com uma criança no carro?". Eles queriam a arma do policial, entretanto, fugiram em seguida.

Segundo a corporação, o policial foi socorrido para uma unidade de pronto-atendimento (UPA) de Ibirité, mas chegou morto. Ele teria sido acertado na nuca. Já a cunhada levou quatro tiros no braço. Foi resgatada por vizinhos. O bebê ficou ferido de raspão na cabeça.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Moradores cobram inauguração da Upinha Rio da Prata
A importância de um atendimento farmacêutico correto
Primeira Pessoa com Padre Reginaldo Veloso
Sobre Vidas: Casinha - Associação dos Amigos da Vila do Papelão
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco