Diario de Pernambuco
Busca

SÃO PAULO

TJSP nega novo pedido de liberdade e mantém motorista do Porsche preso

Desembargadores do TJSP acolheram tese do MPSP que entendia que dono do Porsche pode repetir o crime, considerando seu histórico

Publicado em: 24/05/2024 17:24

Fernando Sastre Filho cumpre prisão preventiva na Penitenciária de Tremembé, no interior de São Paulo  (foto: Reprodução/SAP)
Fernando Sastre Filho cumpre prisão preventiva na Penitenciária de Tremembé, no interior de São Paulo (foto: Reprodução/SAP)

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) decidiu manter a prisão do empresário Fernando Sastre Filho, de 24 anos, que é acusado de dirigir embriagado, bater seu Porsche em alta velocidade e provocar a morte de um motorista de aplicativo na zona leste de São Paulo.

 

O julgamento sobre o novo pedido de liberdade provisória do motorista do Porsche aconteceu na quinta-feira (23), por meio virtual, na 5ª Câmara de Direito Criminal do TJSP. O empresário responde pelo homicídio do motorista de app Ornaldo da Silva Viana, de 52 anos, e por lesões provocadas em um amigo dele, que estava no banco de passageiro do carro de luxo, no dia 31 de março.

 

Na decisão, os desembargadores acolheram pedido do Ministério Público de São Paulo (MPSP) para manter o empresário na cadeia. A Corte, no entanto, julgou “desnecessário” o compartilhamento das provas com a Justiça Militar, responsável por investigar PMs que liberaram o empresário da cena do acidente sem realizar teste de bafômetro.

 

 

 

Confira as informações completas no Metrópoles

MAIS NOTÍCIAS DO CANAL