Diario de Pernambuco
Busca

Mobilidade

Transporte urbano de Camaragibe será integrado e regulamentado pelo Grande Recife

Medida foi tomada após aprovação de uma proposta do Governo de Pernambuco

Publicado em: 24/05/2024 17:36

A partir de agora, o serviço será regulamentado no município, o que possibilita a participação efetiva no planejamento e na gestão do Sistema de Transporte Público de Passageiros da Região Metropolitana do Recife (STPP/RMR) (Foto: Divulgação)
A partir de agora, o serviço será regulamentado no município, o que possibilita a participação efetiva no planejamento e na gestão do Sistema de Transporte Público de Passageiros da Região Metropolitana do Recife (STPP/RMR) (Foto: Divulgação)
O transporte urbano do município de Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife, será integrado ao Grande Recife Consórcio de Transporte (CTM). A proposta do Governo de Pernambuco foi aceita durante uma Assembleia Geral do órgão, realizada nesta sexta-feira (24). 

A partir de agora, o serviço será regulamentado no município, o que possibilita a participação efetiva no planejamento e na gestão do Sistema de Transporte Público de Passageiros da Região Metropolitana do Recife (STPP/RMR).

Além disso, o sistema poderá atuar na integração dos transportes que atendem o município por meio do Sistema Estrutural Integrado (SEI), bem como ajustar tarifas e manutenção dos serviços.

Após a aprovação, as tratativas poderão dar sequência às formalidades necessárias ao ingresso, como assinatura de aditivo ao contrato social, garantindo, inclusive, o aumento dos serviços de ônibus integrados à rede metropolitana, abrangendo regiões até então sem acesso.

“Agora abrimos a possibilidade de uma nova fase no que diz respeito ao planejamento e gerenciamento do transporte público coletivo do município, assegurando melhor qualidade dos serviços, mais fiscalização e segurança, via contratos de concessão, além da projeção, junto ao Sistema de Transporte Público de Passageiros da Região Metropolitana do Recife - STPP/RMR, de otimização de custos, maior integração operacional e tarifária”, explica o diretor-presidente do CTM, Matheus Freitas. 

Ações no transporte público da RMR

Desde o início de 2023, a gestão estadual intensificou as fiscalizações nos coletivos, adquiriu novos ônibus e colocou em vigor o Bilhete Único, que extinguiu o anel B e reduziu o valor da tarifa de R$ 5,60 para R$ 4,10, beneficiando mais de 700 mil usuários.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL