Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Últimas

Eleições 2020

Humberto afirma que aliança entre PT e PSB não deve ser impactada pela candidatura de Marília Arraes

Publicado em: 05/08/2020 17:35

Senador Humberto Costa (Senado Federal)
Senador Humberto Costa (Senado Federal)

Um dos principais articuladores e defensores da aliança do PT com o PSB em Pernambuco, senador Humberto Costa (PT), afirmou que não deve se posicionar contrário ao aval da executiva nacional petista sobre a pré-candidatura da deputada federal Marília Arraes (PT) à prefeitura do Recife. A última decisão do diretório foi tomada após reunião na sexta-feira (31) e definiu por candidatura própria na Capital, o que, na avaliação de aliancistas poderia prejudicar o acordo estabelecido pelo PT e PSB desde 2018 no Estado.

O senador colocou que apesar da postulação independente, a relação do PT com o PSB não "deve"ser impactada. "É importante que não venha a impactar. Eu acho que a campanha do PT não pode ser uma campanha contra o PSB. Tem que ser uma campanha em defesa do PT e contra a direita. Até porque nós temos aqui vários candidatos de direita participando desta eleição e nós entendemos que o PT não pode ter o mesmo discurso desse pessoal", avalia.

Nas eleições gerais de 2018, Marília Arraes se colocou a disposição do diretório estadual do PT para concorrer ao Governo do Estado. Mas por fruto de uma articulação envolvendo petistas e socialistas a época seu nome foi retirado e o PT passou a apoiar a campanha a reeleição do governador Paulo Câmara. Em outros Estados, apoios foram trocados entre as legendas. Nacionalmente o PSB declarou neutralidade nas eleições presidenciais. Para este próximo pleito, Humberto Costa avalia que mesmo em palanques separados os dois futuros candidatos não devem ter embates diretos.

"O PSB não deve ser o centro da nossa fala até porque é provável que no segundo turno nós estejamos juntos PT/PSB e quem passar deve ter o apoio do outro. Agora, eu acredito que repercutiu sim, acho que o PSB tinha uma expectativa de ter o apoio do PT aqui até porque era o estado, o município que o PSB colocava como sua principal prioridade. Mas eu espero que mais na frente nós consigamos superar essa dificuldade que foi gerada por essa situação", concluiu Humberto referindo-se as eleições municipais de 2020.

O senador afirmou que mesmo a favor da aliança, não deve descumprir a definição da executiva nacional do PT. "Todo mundo conhece a nossa posição, o processo aqui, nós sempre defendemos a ideia de fazer de manter a frente popular aqui em Pernambuco, e essa decisão foi já tomada pelo diretório nacional, ter uma candidatura própria, nós vamos cumprir essa decisão. É isso. Eu estou no PT há um tempo, desde a fundação, nunca descumpri nenhuma decisão partidária e não vai ser agora que eu vou descumprir essa decisão. Como tal, o que foi definido pelo diretório nacional, vai ser implementado", explica o senador Humberto Costa.

Na última semana, ainda quando se discutia a oficialização do nome de Marília como pré-candidata, a deputada-federal anunciou que convidaria o senador para ser o coodenador político de sua campanha na Capital. "Na verdade eu assumi uma série de responsabilidades no grupo estratégico eleitoral nacional. Eu vou acompanhar alguns estados aí com o processo eleitoral, aqui no estado há uma demanda de muitos municípios para eu acompanhar a campanha, participar de eventos e tal, então eu não tenho condição de me fixar em nenhuma campanha aqui no Estado. Então não há nem como eu cogitar essa possibilidade", respondeu Costa. 

 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão #Aulão: tudo sobre botânica
Rhaldney Santos entrevista a oftalmologista Larissa Ventura
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão #259 O que é uma planta?
Rhaldney Santos entrevista o desembargador do TJPE Erik Simões
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco