Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Últimas

PROPOSTA

Prefeito de São Lourenço da Mata defende a utilização dos fundos eleitoral e partidário no combate à Covid-19

Publicado em: 08/04/2020 09:58

 (Bruno Pereira/Divulgação)
Bruno Pereira/Divulgação

Em sua rede social, na noite da última terça-feira (7), o prefeito de São Lourenço da Mata (RMR), Bruno Pereira, publicou uma nota dizendo ser a favor da utilização dos recursos dos Fundos Eleitoral e Partidário para o combate à Covid-19, causada pelo novo coronavírus. Em entrevista, o chefe do executivo municipal informou que cidades como São Lourenço da Mata, que vivem praticamente do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), não têm condições orçamentárias de enfrentarem sozinhas, uma pandemia desta natureza.

De acordo com Bruno, o Governo Federal deveria destinar os recursos do Fundo Eleitoral, com verba prevista de R$ 2,034 bilhões; e o Fundo Partidário com expectativa de R$ 959 milhões, este ano, para serem destinados aos estados e municípios para o combate e enfrentamento ao novo coronavírus. “Estamos pedindo que a população se sacrifique, pessoas jurídicas e celebridades estão doando, municípios estão tirando de onde não tem para o atendimento aos pacientes e em medidas para a prevenção e combate a doença. Está na hora dos partidos também fazerem sua parte e contribuírem nesta batalha”, frisou o prefeito.

O chefe do Executivo também defende a autorização do recurso do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), destinado para merenda escolar, para ser utilizado na compra de cestas básicas para as famílias dos alunos, que tiveram suas aulas suspensas, devido à pandemia. “O governo federal ainda não deu autorização para o valor ser revertidos na compra de alimentos e doados às famílias em situação de vulnerabilidade social e risco nutricional. Hoje, São Lourenço da Mata atende cerca 13 mil alunos na rede municipal de ensino e recebe cerca de R$ 94 mil de recursos do FNDE mensais, para merenda escolar, o que dividido, daria aproximadamente R$ 7,23 por aluno, ou seja, o valor não iria contribuir para segurança alimentar, caso fosse convertido para uma cesta básica, por exemplo. Por isso, precisamos de mais recursos”, disse Bruno.

Até ontem (7), o município descartou 22 casos de pacientes com a covid-19, após realização de testes; 16 estão sob investigação, estes estão sendo avaliados e acompanhados pelas autoridades de saúde; outros 14 casos foram confirmados de pacientes com o coronavírus, deste total de confirmados, onze 11 encontram-se internados em hospitais de referência para o tratamento da covid-19 e três chegaram a óbito. Todos foram confirmados após laudo.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Covid-19: Taxa de isolamento social no Recife cai para 45%
05/06: Manhã na Clube com Rhaldney Santos
Manifestações por morte de garoto, Weintraub presta depoimento na PF e inquérito de facada arquivado
Covid-19: Brasil tem novo recorde diário de mortes
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco