Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Viver

LUTO

Morre Raphael Acioli, jornalista e produtor pernambucano, aos 36 anos

Publicado em: 10/01/2021 21:40 | Atualizado em: 11/01/2021 00:27

 (Foto: Instagram/Reprodução)
Foto: Instagram/Reprodução

O jornalista e produtor cultural pernambucano Raphael Acioli faleceu na noite deste domingo (10), aos 36 anos, por complicações renais. Ele deu entrada no Hospital Memorial São José, no Derby, área central do Recife, em 25 de novembro de 2020. O comunicador já convivia com problemas renais e de fígado há alguns anos. Em dezembro, ele testou positivo para a Covid-19, mas se recuperou da doença - embora tenha circulado a informação de que ele havia sido vítima do coronavírus. A família divulgou que o velório será realizado nesta segunda-feira (11), no Morada da Paz, no município do Paulista, no Grande Recife, das 10h às 15h.

Raphael Acioli começou a carreira como estagiário na Rádio Jornal, no Recife, e chegou a trabalhar nos bastidores do Video Show, da TV Globo do Rio de Janeiro. Ele ficou conhecido em Pernambuco e até nacionalmente por trabalhar como assessor de comunicação e produtor cultural para artistas como Wesley Safadão, Banda Calypso, Gabriel Diniz, entre outros nomes que tiveram escritório no Recife pela produtora Luan Promoções. Atualmente, Acioli trabalhava com a cantora pernambucana Priscila Senna e a Banda Magníficos. No YouTube, ele havia criado um programa de entrevistas e variedades chamado Trago Verdades.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Enem em plena pandemia vira desafio em dobro para estudantes
Enem para todos com o Fernandinho Beltrão #369 #370 Isolamento geografico, reprodutivo e genético
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 15/01
Amazonas anuncia toque de recolher
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco