Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Viver

CULTURA

Frei Caneca é homenageado em cerimônia virtual do Museu da Cidade do Recife

Publicado em: 13/01/2021 09:42 | Atualizado em: 13/01/2021 09:57

 (Execução de Frei Caneca, por Murillo La Greca)
Execução de Frei Caneca, por Murillo La Greca

Para lembrar os 196 anos da morte de Frei Caneca, religioso e líder revolucionário pernambucano reverenciado por seus ideais libertários, o Museu da Cidade do Recife realiza, nesta quarta-feira (13), uma cerimônia virtual. A transmisão será a partir das 15h no Instagram do equipamento cultural (@museudacidadedorecife).

O evento foi produzido em parceria com o Forte do Brum, a Grande Loja Maçônica de Pernambuco, o Instituto Arqueológico Histórico e Geográfico Pernambucano e a Ordem dos Carmelitas. A cerimônia que acontece há 33 anos, este ano foi adaptada para o meio digital, cumprindo os protocolos sanitários que proíbem aglomerações no estado.

Joaquim da Silva Rabelo, depois Frei Joaquim do Amor Divino Rabelo, foi um religioso e professor de retórica, geometria e filosofia, e um dos grandes pensadores e líderes do movimento pela independência brasileira. Ele se destacou na articulação da Revolução Republicana de Pernambuco, em 1817, e, mais tarde, da Confederação do Equador.

Em 1824, foi preso no Ceará e submetido a julgamento pela Comissão Militar, sendo condenado à morte por arcabuzamento – execução por arma de fogo. Frei Caneca foi enterrado no Convento do Carmo, no Recife e imortalizou-se herói no imaginário pernambucano.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 25/01
Enem 2020: professores do Colégio Núcleo comentam ao vivo as provas deste domingo
Verão inspira cuidados com a saúde e alimentação
Resumo da semana: enfim, a vacina, posse de Biden e cerco contra os fura-filas
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco