Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Notícia de Viver

EVENTO

Festa da Primavera celebra o ano novo chinês no Recife

Publicado em: 22/01/2020 22:59 | Atualizado em: 22/01/2020 23:18

No palco, cerca de 20 artistas chineses revezaram-se em performances de dança. (Foto: Bruna Costa/Esp. DP)
No palco, cerca de 20 artistas chineses revezaram-se em performances de dança. (Foto: Bruna Costa/Esp. DP)
A Festa da Primavera, que celebra a chegada de um novo ano para o povo chinês, ganhou edição especial no Recife nesta quarta-feira, no Teatro Luiz Mendonça, no Parque Dona Lindu, em Boa Viagem. Fruto de uma parceria inédita entre o Consulado-Geral da República Popular da China no Recife e a Prefeitura da cidade, Feliz Ano Novo foi apresentado dentro da programação do 26º Janeiro de Grandes Espetáculos. No palco, cerca de 20 artistas chineses, entre monges guerreiros do Templo Shaolin, dançarinos e acrobatas da Companhia Zhengzhou, revezaram-se em performances de dança, acrobacia e artes marciais. No intervalo, a Orquestra Criança Cidadã tocou clássicos da música brasileira.

Antes da apresentação, membros do Consulado receberam a vice-governadora de Pernambuco, Luciana Santos, e o vice-prefeito do Recife, Luciano Siqueira, em cerimônia realizada no foyer do teatro. Também estiveram presentes secretários, deputados, membros da comunidade asiática e convidados. Foi a quarta edição do evento no Recife, a primeira com o apoio da PCR. Mais duas cidades brasileiras - Foz do Iguaçu e Curitiba, no Paraná - também recebem o espetáculo, sábado e domingo, respectivamente.

No discurso de boas-vindas ao novo ano, a cônsul-geral da China no Recife, Yan Yuqing, destacou o simbolismo da celebração para o povo chinês e ressaltou a importância da parceria. “Esse espetáculo tem vários significados. É uma combinação das culturas chinesa e brasileira. Como o Brasil e a China são parceiros estratégicos e intelectuais, a integração entre as nações inclui comércio, política e também deve envolver cultura. O encontro entre as culturas é muito importante, é como um intercâmbio de povos”, pontuou. Ao fim, a representante falou da semelhança do Ano Novo Chinês com carnaval pernambucano e convidou os recifenses a conhecer de perto a festa oriental.

A cada ano, a celebração se expande para mais países. Em 2019, por exemplo, foi realizada em mais de 500 cidades de 140 países. A ação faz parte de uma iniciativa proposta há dez anos pelo Ministério da Cultura e Turismo da China de promoção da cultura chinesa, valorizando o intercâmbio cultural. “A Festa da Primavera é um ponto alto da cultura chinesa que envolve todo o povo chinês no continente e pelo mundo afora. Nós sempre temos buscado estreitar o intercâmbio cultural. A troca de experiências e informação entre os países e, através da cultura, nós aproximamos o nosso modo de pensar viver, pensar, lutar e sobretudo cultivar nossas esperanças num mundo de progresso e paz”, destacou Luciano Siqueira.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
O melhor passista do Recife é de Santo Amaro
Grêmio Musical Henrique dias é tradição e formação
Carlos da Burra, o homem que dá vida aos bonecos gigantes de Olinda
A paz é uma provocação
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco