netflix Seu Jorge pediu ajuda de Mano Brown para viver líder de facção na série 'Irmandade'

Por: FolhaPress - FolhaPress

Publicado em: 09/10/2019 13:23 Atualizado em:

Foto: Reprodução / Facebook
Foto: Reprodução / Facebook
O cantor e ator Seu Jorge interpreta Edson, um dos fundadores e líderes da facção criminosa "Irmandade" -título da nova série da Netflix, que estreia dia de 25 de outubro.
 
Edson é irmão de Cristina (Naruna Costa), uma advogada do Ministério Público que passou 20 anos longe dele até se ver atraída a ajudá-lo. Ao mesmo tempo, ela se vê obrigada a auxiliar também a polícia a desmembrar a facção criada pelo criminoso.
 
O personagem de Seu Jorge passa dentro da prisão a maioria dos oito episódios da série, por isso, ele estudou o comportamento de quem já foi presidiário e também as gírias paulistanas. O ator é carioca e a série se passa na década de 1990, em São Paulo.
 
"Tive uns amigos que me ajudaram como o Mano Brown, que me dizia, 'hei, os caras não falam assim não, hein?", conta Seu Jorge, que fazia crochê nos bastidores para relaxar. 
 
A trilha sonora da série tem música tema o sucesso "Capítulo 4, Versículo 3", do icônico álbum "Sobrevivendo no Inferno", de 1997, mesma época em que a história é contada.
 
Juntos como protagonistas, Naruna e Seu Jorge contam que levaram muito de sua infância e experiência de crescer como negros na periferia à construção da série. Naruna, 36, em São Paulo, e Seu Jorge, 49, no Rio. "Ouvir a história dele de infância foi muito enriquecedor e achei tão parecida com a minha,  mesmo sendo de outro lugar e de outra década. São historias que se cruzam  por ser parte do dilema que vivemos. Parecia o mesmo quintal, de gerações diferentes", diz Costa.
 
A direção é de Pedro Morelli ("Cidade dos Homens", de 2002-2005/2017-2018) e "Entre Nós" (2014).


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.