Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Notícia de Viver
teatro Sérgio Mambert abre programação da Mostra Pernalonga de Teatro

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 22/08/2019 09:02 Atualizado em: 22/08/2019 09:37

Foto: Jan Ribeiro/Divulgação
Foto: Jan Ribeiro/Divulgação

Espetáculos, debates, oficinas e lançamento de livro estão na programação da primeira edição da Mostra Pernalonga de Teatro, desta quinta (22) até a próxima a terça (27). Promovido pelo Governo de Pernambuco, o evento acontece no Recife e em Ingazeira, no Sertão do Pajeú, e tem entrada gratuita. O título do festival homenageia o multiartista pernambucano e militante dos direitos das pessoas com HIV Roberto de França, conhecido como Pernalonga, que foi assassinado em 2000 e neste mês completaria 60 anos.

Questões de gênero e sexualidade terão foco na mostra, cujo início será no Teatro Arraial Ariano Suassuna, no bairro da Boa Vista, com aula magna do ator e diretor Sérgio Mamberti, um dos grandes nomes das artes cênicas do país e com larga experiência em políticas públicas de cultura. Mamberti substitui Zé Celso Martinez, líder do famoso Teatro Oficina Uzyna Uzona, em São Paulo, que abriria a grade, mas não poderá estar presente por questões de saúde.

Com o objetivo de incentivar a cena teatral pernambucana, a mostra exibe pela primeira vez os espetáculos vencedores do 1º Prêmio Roberto de França, anunciados em dezembro do ano passado. O concurso premiou Salmo 91 (na categoria Teatro Adulto), da Cênicas Cia de Repertório; Chico e Flor contra os monstros na Ilha do Fogo (Espetáculo para Infância e Juventude), da Cia Biruta de Teatro; e Soledad, a terra é fogo sob nossos pés (Espetáculo Solo), do Grupo Cria do Palco Recife. Na categoria Iniciativa Coletiva, o Teatro Experimental de Arte (Feteag) saiu vencedor. Na Iniciativa Individual, Odília Nunes foi premiada com o projeto No meu terreiro tem arte.

O edital do 2º Prêmio Roberto de França será divulgado na solenidade de abertura, que também terá uma homenagem a Pernalonga, realizada pelas artistas Sharlene Esse, Odilex Lins e Andreia Valois. Outro destaque na programação será o lançamento do livro Dramaturgias - Vol.1, da Cepe Editora, que será realizado no domingo. A publicação reúne textos dos autores Andala Quituche, Raphael Gustavo, Alex Apolonio, Cleyton Cabral, Maria Oliveira, André Filho e Alberto Amaral.

"Eu me emociono profundamente em falar desta ação pioneira, porque ela reúne tudo que acredito como artista. A premiação, em si, traz um diferencial por reconhecer não apenas o espetáculo. Ela leva em consideração a história dos artistas, a relação com as comunidades, o debate no campo prático, as afetividades, e a contribuição para questões de gênero e sexualidade", conta José Neto Barbosa, assessor de Teatro e Ópera da Secult e curador do evento.

De acordo com o secretário de Cultura do estado, Gilberto Freyre Neto, o festival surge como uma plataforma onde a produção cultural e artística do pernambucano possa escoar. “Amarrar todas essas pontas da cadeia produtiva de um setor tão expressivo da nossa cultura, como o teatro, é cuidar da criação, do incentivo ao dramaturgo e do fomento dessa linguagem, proporcionando que ela se fortaleça cada vez mais", explica.

 

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO:


QUINTA-FEIRA (22)
16h – Cerimônia de abertura, seguida de palestra Solenidade de Certificação do 1º Prêmio Roberto de França – Pernalonga de Teatro

17h - Aula Magna com Sérgio Mamberti
Onde: Teatro Arraial Ariano Suassuna

SEXTA-FEIRA (23)
15h – Oficina sobre editais, com foco no Prêmio Roberto De França – Pernalonga de Teatro, com José Neto Barbosa, assessor de Teatro e Ópera da Secult-PE
Onde: Espaço Pasárgada 19h – Espetáculo Adulto com debate sobre a obra

Salmo 91 (Cênicas Cia. De Repertório/Recife)
Onde: Teatro Arraial Ariano Suassuna

SÁBADO (24)
9h às 16h – Oficina Iniciação Teatral: Presença Na Cena com Jackson Freire e Pedro Henrique (Teatro Experimental De Arte/Caruaru) Onde: Espaço Pasárgada

19h – Espetáculo Adulto com debate sobre a obra Soledad, A Terra É Fogo Sob Nossos Pés (Grupo Cria Do Palco/Recife)
Onde: Teatro Arraial Ariano Suassuna

DOMINGO (25)
9h às 16h – Oficina Teatro De Memória com Odilia Nunes (Ingazeira)
Onde: Espaço Pasárgada

16h – Espetáculo para a Infância Chico E Flor Contra Os Monstros Da Ilha Do Fogo (Cia. Biruta De Teatro/Petrolina)
Onde: Teatro Arraial Ariano Suassuna

19h – Lançamento de Livro Dramaturgias – Vol. 1 (Textos vencedores do Prêmio Ariano Suassuna), da Cepe Editora
Onde: Teatro Arraial Ariano Suassuna

SEGUNDA-FEIRA (26)

14h às 17h – Oficina Tradições da Mata para a preparação do ator: Cavalo Marinho com Mestre Grimário e Andala Quituche
Onde: Espaço Pasárgada

19h – Espetáculo Adulto Sina (Coletivo Labuta De Teatro/Olinda)
Onde: Teatro Arraial Ariano Suassuna

19h – Espetáculo para a Infância Histórias De Cascudo (Cia. Biruta De Teatro/Petrolina)
Onde: Sítio Minadouro (Zona Rural) em Ingazeira

TERÇA-FEIRA (27)

13h às 18h – Oficina A personificação da máscara neutra com o grupo São Gens de Teatro
Onde: Espaço Pasárgada

19h – Espetáculo Adulto O Gaioleiro (Cia. Experimental De Teatro/Vitória De Santo Antão)
Onde: Teatro Arraial Ariano Suassuna

Crochê, tricô, bordados e aplicações
Trio de Ferro e Decisão Bonito campeão do Pernambucano A2
De 1 a 5: o que há de novo na gastronomia recifense?
Democracia do cinema: quem pode assistir e quem tem o direito de fazer
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco