Audiovisual Canal Brasil exibe maratona de filmes do diretor Kleber Mendonça nesta sexta

Por: Samuel Calado - Redes Sociais e Site

Publicado em: 30/08/2019 20:31 Atualizado em: 31/08/2019 01:56

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
Nesta sexta-feira (30), muitos cinéfilos irão 'sextar' no Canal Brasil. A rede anunciou no Twitter um especial dedicado aos filmes do diretor Kleber Mendonça Filho, que está em cartaz nos cinemas com o aclamado Bacurau. As produções Aquarius, O Som Ao Redor, Vinil Verde, Eletrodoméstica, Noite de Sexta, Manhã de Sábado e Recife Frio serão exibidos no canal na noite desta sexta feira (30). 
 
 

O orgulho de ver @bacuraufilme , minha coprodução, nos cinemas é tanto que hoje, a partir das 23h30, vai ter maratona com os filmes do diretor @kmendoncafilho %u2764%uFE0F Se liga na lista: Aquarius, O Som Ao Redor, Vinil Verde, Eletrodoméstica,Noite de Sexta, Manhã de Sábado e Recife Frio pic.twitter.com/hT5vux3Gsk

— Canal Brasil (@canalbrasil) 30 de agosto de 2019
 
Aquarius (2016) é a primeira produção a ser exibida na noite. O filme tem como protagonista a atriz Sonia Braga interpretando Clara. Uma jornalista aposentada, viúva que resiste à especulação imobiliária dentro do seu apartamento localizado na Av. Boa Viagem, no Recife, local onde guarda várias recordações familiares. Clara sofre vários tipos de assédio para mudar de ideia. 
 
 
O Som Ao Redor (2013) é o segundo da noite. O filme traz Maeve Jinkings como a personagem Bia. Ele fala sobre o impacto social e comportamental da presença de uma milícia em uma rua de classe média da Zona Sul do Recife. 
 
 
 
O terceiro filme é o curta Vinil Verde (2004). Ele se passa no bairro de Casa Amarela, na Zona Norte do Recife. Na história, uma mãe presenteia a filha com vários discos de vinil coloridos, com músicas infantis. O único impedimento feito pela genitora é que não escute o fico verde. Mas a filhota desobedece e, só assistindo. 
 
 
A quarta produção que será exibida é o curta Eletrodoméstica (2005). O filme surgiu da imagem que o diretor viu em uma viagem de família na década de 1990. No aeroporto de volta ao Recife, ele avistou uma pirâmide repleta de eletrodomésticos que alguns brasileiros estavam trazendo ao Brasil. Na época, tudo era muito caro no país e sempre que podiam, as pessoas importavam vários itens eletrônicos. O filme traz a relação de corpo e máquina. Ele rodou bastante e venceu muitos festivais, entre eles, a categoria "Melhor curta" no júri oficial e júri popular e Prêmio da crítica do Festival Internacional de Curtas do Rio de Janeiro 2005. 
 
 
 
A quinta da noite é o filme Noite de Sexta, manhã de Sábado. Na história, um homem vai até uma loja de conveniências e entra em contato com uma mulher que está em outro território. O casal entra em uma longa conversa, como se estivessem frente à frente. O filme foi rodado em Kiev, na Ucrânia, em 2003. Trata-se de uma história simples de amor. A produção traz a sensação que a comunicação ligada a tecnologia proporciona as pessoas. 
 
 
  
A última da série especial dedicada ao Kleber Mendonça é o filme Recife Frio, que traz um Recife com um tempo diferente do habitual. A cidade do mormaço sofre com uma mudançaclimática e tem uma queda de temperatura, passando de tropical para frio e chuvoso. Diante dessa situação, os recifenses buscam jeitos de se adaptar. 
 
  
 
Bacurau nos cinemas 

O longa Bacurau, dirigido por Kléber Mendonça Filho e Juliano Dornelles, foi vencedor do Prêmio do Júri no Festival de Cannes deste ano. O filme que se passa no sertão nordestino narra a vida dos habitantes de um povoado que some do mapa após a morte de uma antiga e importante moradora, interpretada pela artista Lia de Itamaracá. A estreia, que aconteceu no último dia 24 lotou o cinema São Luiz, no centro do Recife. O filme está em exibição nos cinemas 



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.