Música Brega-funk Hit Contagiante está entre as mais ouvidas do Brasil no Spotify

Por: Emannuel Bento - Diario de Pernambuco

Publicado em: 27/08/2019 15:39 Atualizado em: 27/08/2019 15:53

Felipe Original. Foto: cenário Filmes/Divulgação
Felipe Original. Foto: cenário Filmes/Divulgação
Uma faixa do brega-funk pernambucano alcançou, nesta segunda-feira (26), o terceiro lugar da lista As Mais 50 do Brasil do Spotify, o principal termômetro de sucessos do país na plataforma de streaming. Hit Contagiante, de Felipe Original, utiliza de trechos do refrão de Evoluiu, do MC Kevin o Chris, atual fenômeno do funk carioca. Na mesma plataforma, a canção também chegou no primeiro lugar da playlist Viral 50 - que reúne sucessos de rápida projeção na internet. A última vez que uma faixa do brega-funk alcançou tal posição foi com Envolvimento, de MC Loma, no verão de 2018. Com a geração do "passinho dos malokas", é a primeira vez.

Hit Contagiante só ficou atrás de Quando a Bad Bater, de Luan Santana, e Tijolão, da dupla sertaneja Jorge & Mateus. Felipe Original conseguiu ultrapassar nomes nacionais como Marília Mendonça e Gusttavo Lima. Evoluiu, faixa que serviu de inspiração para a música do pernambucano, está na posição 15. Com produção musical de JS, Hit Contagiante também acumula mais de 100 milhões de reproduções no YouTube (somando as 10 principais publicações da música em diferentes canais da plataforma de vídeos). Um clipe foi lançado em maio deste ano, com produção da Sr Filmes. Também ganhou vídeos de coreografias dos canais Fit Dance e Lore Improta. 



Felipe Original assinou contrato com a Tudo Nossa Produtora, a mesma do veterano MC Cego. Atualmente, expande sua agenda de shows. Já se apresentou em Maceió (AL) e se prepara para capitais nordestinas como Aracajú (SE), João Pessoa (PB) e Salvador (BA) nos próximos meses.

HISTÓRICO
O pernambucano Felipe Santos, de 28 anos, mora no município Paulista e é MC desde os 15, quando ainda existia uma cena de funk na cidade. Durante a década de 2010, foi dançarino do grupo Reginho & Banda Surpresa, que ficou conhecido pelo sucesso nacional Minha Mulher Não Deixa Não. Também fez parte do projeto de brega-funk Meninos da Net (encerrado em 2015), responsável pelo sucesso Machuca.


"Depois do fim dos Meninos da Net eu fui estudar, fiz curso de tecnólogo em logística. Trabalhei como Uber por mais de uma ano para pagar as mensalidades", diz Felipe, em entrevista ao Viver. "Eu montei esse projeto como Felipe Original no ano passado. Lancei várias músicas mas não deu tão certo. Hit Contagiante foi a quarta tentativa, produzida pelo JS. Ele, inclusive, me deu uma força muito grande".

DIREITOS AUTORAIS
O uso de refrões de artistas do Sudeste se tornou uma tendência entre MCs e produtores musicais do ritmo eletrônico pernambucano desde o final de 2018. A moda começou simultaneamente com o fenômeno do passinho dos malokas, que já nasceu usando trechos de funks do Sudeste, principalmente do Rio de Janeiro.

Após a disseminação do passinho (dança que consiste em movimentos com os braços e a virilha), a sonoridade do brega-funk tem se tornado cada vez mais acelerada e eletrônica, também mais simples por praticamente não utilizar de instrumentos reais. Assim, uma nova a geração de MCs está antenada na utilização desses refrões "terceirizados", com o intuito de provocar viralização nas redes para alavancar popularidade. Felipe Original é um exemplo.



Logo quando a Hit Contagiante ficou pronta, Felipe tentou entrar em contato com a gravadora de Kevin O Chris para liberar o uso da música, tendo os lucros do streaming compartilhados entre os artistas. Sem resposta, ele acabou lançando a música no canal do DJ Cabuloso, que não era monetizado - é nesse canal que a música tem mais visualizações, com 30 milhões.

Mais tarde, quando o contato foi realizado, o nome do carioca foi adicionado nos créditos e a música entrou  oficialmente em plataformas monetizadas. "A visibilidade no Sudeste aumentou a partir daí", explica o intérprete. Felipe e Kevin ainda não se conheceram. O carioca virá ao Recife para a Happy Holi, realizado na área externa do Centro de Convenções no dia 26 de outubro.

Assista ao clipe de Hit Contagiante:



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.