Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Notícia de Viver

Cinema

Brasil vive distopia evangélica em trailer de Divino Amor, novo filme do pernambucano Gabriel Mascaro

Publicado em: 14/05/2019 14:44 | Atualizado em: 14/05/2019 14:52

Filme acompanha Joana (Dira Paes), mulher profundamente religiosa que é escrivã de cartório. Foto: Vitrine/Divulgação

Divino amor, novo filme do pernambucano Gabriel Mascaro (conhecido por Boi neon), ganhou um teaser oficial nesta terça-feira (14). O longa-metragem tem estreia prevista para 16 de agosto, com distribuição da Vitrine Filmes, mas já foi exibido em festivais de Sundance e de Berlim, sendo selecionado para outros 20 eventos do tipo. A história se passa em 2027, em um Brasil que vive um sistema político com forte influência da religião evangélica.

O roteiro acompanha Joana (Dira Paes), uma mulher profundamente religiosa que é escrivã de cartório e usa sua posição no trabalho para tentar salvar casais que chegam para se divorciar. Ela faz tudo em nome de um projeto maior de fé dentro da fidelidade conjugal. Enquanto espera por um sinal em reconhecimento pelos seus esforços, é confrontada com uma "crise no seu próprio casamento que termina por deixá-la ainda mais perto de Deus", como descreve a sinopse. Emílio de Melo, Julio Machado, Thalita Carauta, Mariana Nunes, Teca Pereira e Tuna Dwek são outros nomes do elenco.

"O Brasil tinha mudado. A festa mais importante do país não era mais o carnaval, era a festa do amor supremo. A grande espera pela volta do Messias", diz a voz de uma criança no trailer. Além de imagens inéditas do filme, ainda é possível localizar manchetes relacionadas ao governo do presidente Jair Bolsonaro, como declarações de ministra Damares Alves contra o aborto. Outras notícias expõem violência por intolerância religiosa.

"Mascaro está segurando um espelho assustador do presente político do seu país", diz o trecho da crítica da revista Variety. Sobre o teaser divulgado, Gabriel Mascaro pontua, em nota divulgada à imprensa: "Fabular um futuro próximo é uma ferramenta fundamental para ler as contradições do presente". 

Divino amor foi produzido por Rachel Daisy Ellis (Boi neon, Ventos de agosto, Doméstica) e coproduzido por Sandino Saravia Vinay (coprodutor de Boi neon e produtor associado de Roma, de Alfonso Cuarón), Katrin Pors (produtora de Pássaros de verão, de Ciro Guerra), Maria Erkhovd (Mer film, Norway).

O longa é fotografado pelo mexicano Diego Garcia, que também assinou a fotografia de Boi Neon, tradicional parceiro de Mascaro. O longa é produzido pela Desvia em coprodução com Malbicho Cine, Snowglobe, Bord Cadre Films, Mer Films, Film i Väst, Globo Filmes e Canal Brasil.

Confira ao trailer:

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Cavani Rosas e o percurso entre a ciência e o sobrenatural
In Set com Alessandra Pires
Tecnologia e inovação aplicadas à educação
Moradores cobram inauguração da Upinha Rio da Prata
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco