Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Viver

Cinema

Autobiografia da Rita Lee ganhará versão nos cinemas

A cantora assinou acordo com produtora concedendo direto de adaptação do polêmico Rita Lee - Uma Autobiografia

Publicado em: 16/02/2018 17:37 | Atualizado em: 19/02/2018 16:33

Rita Lee no lançamento da autobiografia em 2016. Foto: Editora Globo/Divulgação


Polêmico por ironizar uma porção de artistas consagrados e revelar o abuso de drogas da cantora, o livro Rita Lee - uma autobiografia ganhará versão nas telas de cinema. Isso porque a rainha do rock assinou um contrato com a Biônica Filmes para adaptação da obra para um longa-metragem. O acordo inclui também a produção de um documentário e uma série original para a televisão sobre a vida da roqueira. Ainda sem previsão de estreia, o longa terá as gravações iniciadas em 2019. O roteiro será assinado por Patricia Andrade (roteirista de Dois filhos de Francisco) e Nelson Motta (autor da biografia Tim Maia - vale tudo).

Quer receber notícias sobre cultura via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (81) 99113-8273 e se cadastre 

Longe dos palcos desde 2012, os 70 anos de Rita Lee deu muita história para contar. Com tom ácido e bem-humorado, o livro lançado em 2016 narra episódios que partem da infância da cantora (que inclui caso de abuso até então não revelado) e da adolescência rebelde. Rita não poupou deboche ao abordar o período em que lançou a carreira junto aos ex-colegas dos Mutantes (Sérgio Dias e Arnaldo Batista); tampouco admiração ao escrever sobre Caetano Veloso e Gilberto Gil, com os quais fez parceria na Tropicália

A prisão durante a gravidez em 1976, o casamento com Roberto de Carvalho, nascimento dos filhos, a amizade com Elis Regina e o excessivo consumo de drogas ilícitas somado ao alcoolismo são parte da longa trajetória da cantora. O elenco do filme ainda não foi definido, tampouco a atriz responsável por encarnar Rita Lee. Nos palcos, ela foi interpretada por Mel Lisboa, que estrelou o musical Rita Lee mora ao lado. O espetáculo esteve no Recife em 2015 para três apresentações.

Acompanhe o Viver no Facebook: 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Justiça por Beatriz: pais organizam peregrinação de 720 km para cobrar solução de assassinato
Pessoas que já tiveram covid podem adoecer novamente devido à ômicron
Reino Unido aprova mais um medicamento contra Covid-19
Manhã na Clube: entrevista com o deputado estadual Eriberto Medeiros (PP), presidente da Alepe
Grupo Diario de Pernambuco